Conecte-se connosco

Lazer

Nova Caledónia em cena no TAGV

Publicado

em

André Guedes e Miguel Loureiro propõem um regresso ao período seguinte à Comuna de Paris de 1871 com a peça NOVA, CALEDÓNIA, em cena no TAGV, no dia 12 de Fevereiro, às 21:30.

Nova_Caledónia_DIVULGAÇÃO_Deportados da Comuna e nativos na Ilha dos Pinheiros_ Nova Caledónia_Composição a partir de fotografia de Allan Hughan_1973_ÓAGML

A peça vive do paradoxo entre um local paradisíaco e uma colónia penal. André Guedes e Miguel Loureiro propõem um regresso ao período seguinte à Comuna de Paris de 1871 e a deportação dos revolucionários para a Nova Caledónia, um arquipélago no Oceano Pacífico.

O trabalho dá continuidade à peça “Como Rebolar Alegremente Sobre um Vazio Exterior”, apresentada no festival de alkantara de 2010 por André Guedes e Miguel Loureiro — que decorreu no Teatro da Comuna, em Lisboa — e também no Teatro Carlos Alberto, no Porto. A novidade NOVA, CALEDÓNIA é a continuação da viagem e a chegada ao destino, onde os deportados se confrontam com indígenas, os seus hábitos e costumes.

Nova Caledónia é a ilha no pacífico sul para onde foram deportados alguns do membros da comuna de Paris e é por aí que segue este espectáculo do actor e encenador Miguel Loureiro com o artista André Guedes.

A Nova Caledónia é um arquipélago da Oceânia situado na Melanésia, junto ao Trópico de Capricórnio. O seu clima é tropical. Ao contrário de outras ilhas do Pacífico, com uma origem vulcânica recente, este território é um antigo fragmento da porção meridional do continente da Pangeia que se separou por deriva continental da Austrália há 85 milhões de anos.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com