Conecte-se connosco

Coimbra

Mosteiro de Santa Clara-a-Velha volta a receber jazz em agosto

Publicado

  em

 

O Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, em Coimbra, organiza, pelo segundo ano consecutivo, o “Summertime Jazz no Mosteiro”, uma iniciativa que leva até à zona envolvente do monumento quatro concertos de jazz, em agosto.

 

Os concertos vão decorrer na relva, com o mosteiro como pano de fundo, sempre aos sábados, a partir das 19:00, num projeto da produtora cultural Margarida Mendes Silva e promovido pela Direção Regional de Cultura do Centro (DRCC).

Pelo espaço exterior do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha vão passar o Trio do Hot Clube de Portugal (04 de agosto), Centauri (11), Trio Paulo Bandeira (18) e Filipe Raposo (25).

“São quatro propostas diversas entre si”, afirmou Margarida Mendes Silva, durante a conferência de imprensa de apresentação da iniciativa.

De acordo com a produtora cultural, o objetivo do evento passa por garantir uma “fruição do património”, ao mesmo tempo que se oferece à cidade e a quem a visita “uma alternativa de programação” num mês “subestimado em programação” cultural.

Durante a conferência de imprensa, fez-se ainda um apelo às empresas da região para, no futuro, se aliarem à iniciativa, depois de este ano a organização ter registado uma falta de recetividade de entidades privadas em apoiarem o ciclo de concertos.

A diretora Regional de Cultura do Centro, Celeste Amaro, referiu que a 1.ª edição foi uma espécie de “teste”, registando o aumento do orçamento disponível para o dobro, situando-se agora em cerca de dez mil euros.

“É muito importante esta iniciativa, aqui, no Mosteiro”, notou, esperando que este ano seja possível atrair mais turistas para o concerto, depois de uma primeira edição em que os conimbricenses estiveram em maioria.

Para além dos concertos, haverá também um ciclo de sessões de cinema ao ar livre em agosto, intitulado “Cinema e Jazz”, junto ao Centro Interpretativo do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, organizado pelo Fila K Cineclube.

Às terças-feiras, vão ser exibidos os filmes “O Homem do Braço de Ouro”, de Otto Preminger, “Fim de Semana no Ascensor”, de Louis Malle, “Sombras”, de John Cassavetes, e “Vencidos pela Lei, de Jim Jarmusch.

O ciclo de concertos de jazz tem um custo de dois euros por sessão ou de cinco euros para os quatro e o cinema ar livre tem um custo de um euro por sessão.

“Summertime Jazz no Mosteiro” conta ainda com o apoio à programação da associação Quebra Costas, que dinamiza o ciclo QuebraJazz.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com