Conecte-se connosco

Destaque

ModaLisboa: Nuno Baltazar levou bastidores para a passerelle

Publicado

  em

O designer de moda Nuno Baltazar levou hoje um pedaço do que se passa nos bastidores para a passerelle da 55.ª edição da ModaLisboa, com a apresentação da coleção “Ensaio”, no espelho de água do Jardim Amália Rodrigues.

Já os convidados e jornalistas, todos de máscara, estavam sentados nas cadeiras colocadas de um dos lados do espelho de água (lago), no topo do Parque Eduardo VII, quando começou a ouvir-se nas colunas a voz de Nuno Baltazar a ordenar às manequins que se posicionassem no passadiço de madeira, para começarem o ensaio. Deixando no ar a dúvida sobre se à hora marcada para o desfile, 15:00, o ensaio ainda estivesse para acontecer.

O designer de moda, a partir da mesa de som, continuava a dar instruções a manequins e restante equipa para que fossem revistos alguns aspetos de cabelos, maquilhagem e posicionamento de acessórios.

Com tudo tratado, Nuno Baltazar pediu aos assistentes que saiam de cena e às manequins que retirem as máscaras, para que comece o ensaio, “como se fosse um desfile ‘à séria’”.

Ao som da música, as manequins começaram a percorrer o passadiço de madeira que existe à volta de metade do espelho de água, passando depois para a calçada, criando circunferências que acabaram por levá-las para dentro do espelho de água.

Ao longo do desfile, ouviu-se a voz do diretor de ‘casting’ a dizer os nomes das manequins, uma a uma, sinalizando assim a entrada em cena, e, quando preciso, mandando alguma desfilar “mais rápido”.

Algo que costuma ser audível apenas nos bastidores, ficou assim acessível a quem assistiu ao desfile.

Ao comando do diretor de ‘casting’, as circunferências terminaram e as manequins ficaram paradas, em pé, com pés dentro de água, terminando a apresentação de “Ensaio”, coleção que Nuno Baltazar criou para a primavera/verão de 2021.

O desenvolvimento desta coleção, segundo Nuno Baltazar, “parte da ideia de ensaiar o futuro”.

Nas peças que apresentou hoje, que misturam cores como turquesa, preto, musgo, branco, grafite e amarelos, recorre a “jogos de luz e sombra, de natural e sofisticado, que resultam em contrastes desconcertantes”.

O designer destaca “o trabalho volumétrico de ombros e mangas, ‘draping’, plissados diagonais e os acabamentos em fio sobre trabalhos de forma sonora num processo em construção”.

Nuno Baltazar, que iniciou a apresentação regular de coleções em 1998, e a marca em nome próprio em 2004, vai estrear este mês a sua primeira colaboração com a Companhia Nacional de Bailado (CNB), com o desenho de figurinos para a nova criação do coreógrafo Filipe Portugal.

A 55.ª edição da ModaLisboa iniciou-se na quinta-feira, em modo digital, e começou hoje com a apresentação das coleções de 33 ‘designers’ de moda, em vários jardins do Parque Eduardo VII.

Hoje, antes da coleção de Nuno Baltazar, foram apresentadas as coleções de Buzina e João Magalhães.

Seguem-se Valentim Quaresma e Ricardo Preto.

A ModaLisboa, que pela primeira vez não tem estação do ano associada, decorre ao ar livre, até domingo, com uma assistência reduzida e uma forte presença ‘online’.

Continuar a ler
Publicidade

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO!

Confie na informação rigorosa. Contribua para o jornalismo livre e independente. Se lê regularmente Notícias de Coimbra torne -se um leitor benemérito. Pode fazer uma doação a partir de 10€/mês ou uma contribuição pontual de 10€, 20€, 30€, 50€ (o que puder e quiser). É seguro, simples e rápido. A sua contribuição é bem-vinda e fundamental para o futuro deste seu jornal.

Contribua
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com