Conecte-se connosco

Região

Miranda do Corvo recebeu o espetáculo “Relegare” que liga música, dança e histórias

Publicado

em

“Relegare”, um espetáculo de histórias, música e dança que ligou várias tradições do mundo e várias ligações ao divino, como a céltica, japonesa, islâmica e hindu, teve lugar no Pátio dos Gentios do Templo Ecuménico Universalista de Miranda do Corvo, perante dezenas de pessoas, no sábado, dia 5 de Junho.

O espetáculo foi concebido por Matilde Ricardo, bailarina e coreógrafa, e Ana Machado, encenadora e contadora de histórias, especificamente para o Templo, da Fundação ADFP.

Ana Machado, ouviu falar do Templo Ecuménico, conheceu-o e quis participar e partilhar o trabalho a que chamou “Relegare” (religar-se, origem etimológica de religião), que teve também interação com o público, convidado a participar numa dança, no Pátio dos Gentios, e depois no interior do próprio templo piramidal.

Durante o espetáculo Ana Machado contou histórias da tradição celta, com as suas divindades, do Japão, com o budismo zen, do Islamismo e dos hindus, com Brama, Vishnu e Indra. Uma das histórias célticas fala dos gigantes gémeos de Penela, Germanelo e Gerumelo, que primeiro trabalhavam em cooperação, com o maço e ferramentas e depois se zangaram e começaram a mesma atividade, cada um por sua conta nos dois montes, tendo depois dado origem á povoação de Zambujal.

O espetáculo contou com a participação de um público formado por adultos e crianças, que foram convidados a dançar uma das músicas e depois a seguir para o interior do Templo onde a bailarina numa coreografia se transformou num anjo de asas douradas e dançou para os presentes, tendo depois saído com Ana Machado, para o exterior, onde terminou, causando no público uma sensação de leveza e liberdade espiritual, e de partilha das tradições invocadas, que premiou as artistas com uma enorme salva de palmas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link