Justiça

Ministério confirma ordem de fecho da discoteca Eskada

Notícias de Coimbra com Lusa | 10 meses atrás em 25-09-2023

A discoteca Eskada, no Porto, recebeu ordem de fecho por um período máximo de seis meses, após um relatório da PSP e comunicações da Câmara Municipal, confirmou hoje à Lusa fonte oficial do Ministério da Administração Interna (MAI).

PUBLICIDADE

De acordo com a mesma fonte, com base num relatório da PSP e em comunicações feitas pelo município do Porto, o ministério liderado por José Luís Carneiro decidiu pelo encerramento do estabelecimento situado na Rua da Alegria por um período máximo de seis meses.

A notícia foi avançada na noite de domingo pelo Jornal de Notícias, acrescentando que o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, concordou com a decisão.

PUBLICIDADE

A discoteca poderá reabrir se tomadas as medidas de segurança necessárias para reverter a ordem de encerramento.

Em causa, segundo fonte oficial do MAI, está a avaliação, pela Câmara do Porto, da lotação máxima do espaço, bem como um pedido feito à Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) para que clarifique questões relacionadas com saídas de emergência e bocas de incêndio.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

De acordo com um despacho citado pelo JN, são destacadas “alegadas agressões envolvendo funcionários ou seguranças privados da discoteca e episódios entre clientes – com vários deles a receber assistência hospitalar”.

O jornal indica também que a discoteca Eskada é o oitavo estabelecimento a receber ordem de encerramento por parte do MAI que, no Porto, já fechou os bares Bling Bling e Sob Escuta.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE