Conecte-se connosco

Coimbra

Médicos do Centro querem mais SIMPLEX no SNS

Publicado

em

A Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) apresentou ao Ministério da Presidência e Modernização Administrativa, no âmbito do programa Simplex, um conjunto de medidas que vai permitir reduzir drasticamente a carga burocrática que, segundo a estrutura liderda por Carlos Cortes, “atualmente esmaga os médicos, libertando-lhes tempo para que possam investir mais tempo naquilo que é mais importante: tratar dos doentes”.

carlos cortes

A aposta efetiva no processo clínico único informatizado; a informatização plena dos exames complementares de diagnóstico e terapêutica; o reforço da ligação entre Centros de Saúde e Cuidados Hospitalares; a melhoria dos tempos de espera pela primeira consulta a nível hospitalar; o reforço da largura de banda e atualização de hardware em muitas das unidades de saúde; a centralização das  inúmeras aplicações eletrónicas utilizadas na prática clínica num portal único: estas são algumas das recomendações sugeridas pelos médicos no âmbito do  grande inquérito levado a cabo pela Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos.

Para Carlos Cortes, presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, “é tempo de o Governo permitir que os médicos se foquem naquilo que é essencial: tratar os doentes e salvar vidas”. De acordo com o mesmo responsável, “a classe médica não pode continuar a estar refém dos inúmeros procedimentos informáticos e burocráticos que manietam e impedem os clínicos portugueses de fazerem aquilo para que foram treinados: curar pessoas”.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade