Conecte-se connosco

Coimbra

Mealhada: Veja onde se pode desviar das obras na EN1

Publicado

em

A Câmara Municipal da Mealhada informa que foram hoje iniciados trabalhos de reparação do pavimento na rua do Desportivo, uma das vias alternativas para fazer face à interrupção da circulação automóvel na EN1/IC2, no troço que está a ser intervencionado pela IP – Infraestruturas de Portugal, da passagem superior ao Caminho-de-ferro (ponte do Gameiro).

[flagallery gid=194 name=Gallery]

Como tal, nos próximos oito dias, está ativa uma solução alternativa a esse desvio, que passa pela antiga EN234 (rua da Várzea).

A rua do Desportivo está a funcionar num único sentido, estando disponível para o tráfego proveniente da EN1, apenas no sentido sul-norte.

Já o tráfego proveniente da EN1, sentido norte-sul, está a ser desviado na rotunda do Hospital, pela antiga EN234, até ao cruzamento da Pedrulha, junto à portagem da A1.

O aumento de tráfego na rua do Desportivo, devido à interrupção da circulação na EN1/IC2, no troço da ponte do Gameiro, levaram a que parte dessa via, numa extensão de 80 metros, sofresse deformações acentuadas nas bermas.

Uma situação que preocupava a Câmara Municipal da Mealhada que, desde o início, informou a IP que o pavimento da rua do Desportivo poderia não suportar a sobrecarga de tráfego que iria sofrer devido à interrupção da circulação na ponte do Gameiro.

Três dias após o início da obra na ponte, a IP concordou com a necessidade urgente de uma intervenção mais profunda na rua do Desportivo. Os trabalhos de reparação do pavimento já foram iniciados e já foi implementada uma solução alternativa a esse desvio, através da antiga EN234 (rua da Várzea).

Desta forma, a circulação na rua do Desportivo está a fazer-se apenas num único sentido, o sul-norte. A circulação no sentido norte-sul está interdita a veículos pesados, que estão a ser desviados na rotunda do Hospital, pela antiga EN234, em direção ao cruzamento da Pedrulha, junto à portagem da A1. Apenas é permitida acessibilidade aos veículos destinados ao transporte do lixo, transportes coletivos e veículos de acesso ao estaleiro municipal. Os veículos ligeiros têm permissão para circular nesse sentido (norte-sul), mas somente até ao complexo desportivo da Mealhada. A intervenção neste troço da rua do Desportivo deverá demorar cerca de oito dias, segundo informações da IP.

A Câmara Municipal solicitou à IP que assegurasse as condições de segurança e estabilidade necessárias a esta solução alternativa, nomeadamente no que diz respeito à ponte sobre o Cértima e a outra passagens hidráulicas existentes no troço da antiga EN234 (rua da Várzea). A empresa garantiu que a fiscalização da empreitada efetuou “uma inspeção visual ao pavimento, taludes, passagem hidráulica e obra de arte existente” e que não detetou, à data, “anomalias estruturais que ponham em risco a segurança do tráfego, pois quer a via, quer a obra de arte, não apresentam patologias que evidenciem problemas estruturais”. Ainda assim, a IP reforça que “diariamente, as referidas estruturas serão monitorizadas, com vista à deteção de eventuais anomalias que possam surgir”.

Recorde-se que, desde o passado dia 15 de janeiro, a circulação automóvel foi interrompida na EN1/IC2, no troço da Passagem Superior ao Caminho-de-ferro (ponte do Gameiro), devido à execução de uma empreitada de reabilitação nesse local, da responsabilidade da IP. A interrupção de tráfego, imprescindível à reabilitação da referida passagem superior, deverá ter uma duração estimada de 80 dias, situação para a qual, pelo incómodo causado, a IP já pediu a melhor compreensão.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link