Conecte-se connosco

Desporto

Mealhada homenageia Herculano Oliveira no dia da partida da Volta a Portugal

Publicado

em

O Município da Mealhada vai homenagear Herculano Oliveira, antigo ciclista natural do concelho, no dia da partida da 5.ª etapa da Volta a Portugal, que acontece no dia 10 de agosto, no Parque da Cidade, e passará pelas freguesias do Luso, da Vacariça, da Pampilhosa e de Casal Comba.

À Mealhada regressa uma das maiores provas desportivas do país, depois de 44 anos de ausência, que será o palco, este ano, da partida de uma etapa, a quinta, da Volta a Portugal, prova que decorre 4 a 15 de agosto. Atletas, equipas, apoios técnico e logístico irão fazer, no concelho, uma paragem de descanso para retomarem à estrada, dia 10 de agosto, a partir do Parque da Cidade da Mealhada. Será seguramente um ambiente festivo e galvanizante, não só para os ciclistas, mas também para todos os mealhadenses, e que contribuirá para a promoção e para a dinamização da região.

“A 83.ª Volta a Portugal é uma prova desportiva, mas a participação do Município neste acontecimento vai muito além da vertente desportiva. É uma oportunidade soberana para dar a conhecer o nosso território e as suas riquezas – as nossas vinhas, a Mata Nacional do Bussaco, a nossa restauração, a vila termal do Luso, a cultura e as nossas gentes. Será, sem dúvida, uma mais valia para todos, inclusive comerciantes e operadores turísticos”, lembrou António Jorge Franco, presidente da Câmara da Mealhada.

No dia da partida da 5.ª etapa, será homenageada, no Parque da Cidade, uma das maiores lendas vivas do ciclismo português. Herculano Oliveira, de 76 anos, natural de Casal Comba, ficou conhecido como “Andorinha das Penhas”, alcunha que vem das vezes em que batia Joaquim Agostinho a subir às Penhas da Saúde, na Serra da Estrela. Fez uma carreira notável, alcançando, nas décadas de 60 e 70, um 4.º lugar na Volta a Portugal, um 22.º lugar na Volta a Espanha e um 45.º na Volta a França. A par disso, ganhou muitas outras provas, tendo sido diversas vezes 2.º classificado no Campeonato Nacional de Rampa.

“Será uma homenagem mais que justa, tendo em conta o percurso deste antigo ciclista do nosso concelho, que nos brindou com resultados excecionais e levou o nome da Mealhada além-fronteiras”, justificou António Jorge Franco.

Na manhã desse mesmo dia, decorrerá uma cerimónia de “corte de fita”, com a presença de representantes da Autarquia, que simbolicamente dará início à etapa, e haverá um espaço (tenda), disponibilizado pela organização da Volta, para o Município promover uma mostra de produtos regionais e a sua degustação. O Clube da Volta, local de acesso reservado a patrocinadores, autarcas, jornalistas, convidados, equipas e outros intervenientes da “Caravana”, decorre durante um período de duas horas entre o início da concentração e a partida simbólica, às 12h45. O percurso, numa extensão de 165,7 quilómetros, inclui algumas das artérias mais representativas da cidade da Mealhada, seguindo, depois, em direção à maioria das freguesias do concelho, rumo ao Observatório de Vila Nova, em Miranda do Corvo.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade