Conecte-se connosco

Região

Câmara ausculta interesses dos mais jovens em cafés da Mealhada

Publicado

em

A Câmara Municipal da Mealhada foi ao encontro dos mais jovens, no último mês, deslocando-se a cafés do concelho, para conhecer os seus interesses e ouvir as suas propostas de atividades ou ações a desenvolver.

O oitavo e último encontro da atividade ‘Comunica-te Jovem!’ decorreu ao final da tarde de hoje, no Café Expresso, na Pampilhosa, onde perto de duas dezenas de jovens puderam dar a sua contribuição.

Distribuídos por quatro mesas temáticas, os jovens puderam dar sugestões para a realização do primeiro Festival da Juventude, do que gostariam de encontrar na Casa da Juventude, ou ainda em termos de empreendedorismo jovem e ações relacionadas com a juventude.

Nuno Saldanha, de 21 anos, veio de Ventosa do Bairro e sugeriu que o Festival da Juventude pudesse realizar-se na Quinta do Murtal, localizada na Mealhada.

“É uma quinta fechada, sendo mais fácil controlar as entradas e as saídas. Parece-me uma boa opção”, revelou.

Já Rita Lopes, de 17 anos, gostava de um Festival da Juventude com atividades durante o dia e espetáculos à noite, sugerindo a realização dos jogos sem fronteira ou até uma festa de espuma.

A voz de mais de 100 jovens, entre os 15 e os 20 anos, fez-se ouvir desde o final de abril até hoje, resultando em dezenas de sugestões, nas quais serão também desafiados a participar.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, António Jorge Franco, esta foi uma forma de colocar os mais jovens a pensar o concelho, de os envolver e desafiar a participar.

“Registámos as ideias e vamos analisá-las, mas gostei imenso da ideia do ‘Colour Run’. Também gostava imenso que fossem os jovens a organizar o Festival da Juventude e a autarquia na retaguarda”, referiu.

O primeiro Festival da Juventude terá lugar a 22 e 23 de julho, já com ideias dos mais jovens, nomeadamente a localização do evento na Quinta do Murtal.

“Esta primeira edição terá mais apoio nosso [da autarquia], mas esperamos que, daqui a alguns anos, seja mesmo um projeto dos jovens. Pensado e organizado por eles”, evidenciou.

A iniciativa contou também com a presença do vereador da Câmara Municipal da Mealhada, Hugo Silva, que destacou a grande adesão dos mais jovens, sendo agora tempo de “por as ideias a fervilhar, para depois as colocar em prática”.

“Esta dinâmica visou ouvir a sua voz dos mais jovens, pois eles gostam de ser ouvidos e levá-los a participarem ativamente no presente e no futuro da nossa comunidade, que é a deles”, apontou.

Para tal, foram ao seu encontro, num ambiente informal e de conversação, à volta da mesa, gerando o debate em torno de um tema central.

“O resultado foi muito positivo e a adesão foi brutal.”, destacou.

Já a responsável pela área da juventude deste município do distrito de Aveiro, Janine de Oliveira, partilhou que, entre as ideias dos mais jovens, está a criação de um grupo de partilha.

“Pretendem um grupo à semelhança do grupo dos alcoólicos anónimos, mas onde partilhem preocupações com a sexualidade, questões de ansiedade e dúvidas relativas ao seu dia a dia”, concluiu.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link