Conecte-se connosco

Lazer

Mateus Aleluia no Teatro da Cerca de São Bernardo

Publicado

em

Mateus Aleluia (Cachoeira, Bahia, 1943), define-se como um artista multifacetado, um investigador e um livre pensador. Integrou, nas décadas de 1960 e 1970, a banda de música popular brasileira “Os Tincoãs”, conhecida por expressar a herança cultural dos diferentes povos africanos que chegaram ao Brasil. Entre 1983 e 2002 viveu em Angola, onde realizou um trabalho de pesquisa cultural, focada na “ancestralidade da música pan-africana”. No início do século XXI regressou ao Brasil, tendo editado os álbuns “Cinco Sentidos” (2010) e “Fogueira Doce” (2017). Em 2020 lançou, em streaming, o album “Olorum”, com o selo Sesc.


Cantor, compositor, pesquisador, violonista e percussionista, o artista faz da sua ancestralidade mais do que a reminiscência de uma África perdida no tempo, tornando-a uma presença contemporânea no seu trabalho. Ao longo da carreira, desenvolveu um reportório assente no conceito do “afro-barroco”, construído a partir “da observação da vida”. Tem criado uma cosmologia única, percorrendo temas da cultura afro-brasileira, do candomblé e da filosofia.


O concerto em Coimbra (Teatro da Cerca de São Bernardo, 13 de Junho, 21h00), abre o programa de Residências Lusófonas co-organizado pela Rádio Pessoas, Blue House, A Escola da Noite e Cena Lusófona. A iniciativa trará a Coimbra artistas de diferentes países de língua portuguesa ao longo do ano de 2022, procurando estimular os contactos dos músicos com o público em geral, bem como com as comunidades artística e escolar da cidade. A programação das Residências Lusófonas contemplará a fusão de diferentes estilos, ritmos e influências de vários países da CPLP, assumindo como objectivo o reforço dos laços de conhecimento e intercâmbio entre os povos que falam português.


Os bilhetes para o concerto custam 15 Euros e podem ser comprados na ticketline ou reservados directamente para o TCSB, por e-mail ou telefone: 239 718 238 / 966 302 488 / [email protected]. Na terça-feira, dia 14, pelas 18h00, o artista participa numa conversa sobre o seu percurso, no Bar/Livraria do Teatro, com entrada gratuita.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link