Conecte-se connosco

Manuel Machado está a ajudar colégios privados

Publicado

em

 O presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Manuel Machado, e o vereador da Educação, Jorge Alves, reuniram-se hoje com responsáveis do Colégio da Imaculada Conceição – Cernache (CAIC) e da respetiva associação de pais.

unnamed (32)

Diz-nis a CMC que “em causa está a perspetiva de a instituição ver diminuídas as turmas abrangidas por contratos de associação com o Ministério da Educação no próximo ano letivo. Face à solicitação de apoio, por parte dos responsáveis do CAIC, para ajudar a ultrapassar esta situação, Manuel Machado deixou claro que já se encontra a ajudar a instituição, através de contactos com o Ministério da Educação, além de se ter disponibilizado para mais contributos”.

O edil já deixara uma mensagem semelhante, noutra reunião, realizada esta semana, com responsáveis do Instituto Educativo de Souselas (INEDS), em que participaram também o presidente da União de Freguesias de Souselas e Botão, Rui Soares, e da União de Freguesias de Trouxemil e Torre de Vilela, Ricardo Rodrigues, revela a CMC.

Autarquia afirma que “no caso destas duas instituições, os problemas são semelhantes. O espectro da redução de turmas com contratos de associação preconizada pelo Ministério de Educação vai obrigar a despedimentos dos efetivos das duas escolas e gera grande incerteza nos pais em relação ao futuro escolar dos filhos. Saliente-se ainda que, tanto em Cernache como em Souselas, bem como em freguesias limítrofes, não existe escola pública”.

Na reunião de hoje com o CAIC participaram o diretor pedagógico, António Franco, o diretor geral, José Carlos Belchior, a presidente da Associação de Pais, Marta Ferro, e mais dois elementos desta associação, João Cardoso e Patrícia Mendes. O presidente da CMC revelou-lhes: “Eu próprio falei com o ministro da Educação e a secretária de Estado; não sou porta-voz do Governo, mas fiquei com esperança que vai ser alterado relativamente”, referiu Manuel Machado, especificando a seguir, perante uma pergunta de João Cardoso, que os diálogos havidos tiveram abrangência concelhia. No entanto, o líder do Município reconhece que os casos do INEDS e do CAIC “são os mais complexos”.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com