Conecte-se connosco

Ensino

Mais de 13 mil docentes mudam de escola e mais 6.500 agora colocados

Publicado

em

Mais de 13 mil professores conseguiram mudar de escola enquanto cerca de 6.500 foram colocados em estabelecimentos de ensino através da contratação inicial, anunciou o Ministério da Educação, que hoje divulgou as listas de colocação de docentes.

Estes são os resultados da divulgação das listas relativas à mobilidade interna para os professores que já estão nos quadros – e à contratação inicial para os docentes contratados.

No que toca aos docentes que querem mudar de escola, tendo pedido transferência para outra escola, agrupamento ou mesmo zona do país, a tutela revela que “foram colocados em mobilidade interna cerca de 13.500 docentes do quadro (…) tendo ficado aproximadamente 400 desses docentes a aguardar colocação nas Reservas de Recrutamento que ocorrerão a seguir à fase agora concluída”.

Já no concurso de contratação inicial, foram colocados mais de 6.500 docentes contratados, refere o ministério numa nota onde sublinha que a divulgação das listas de colocação dos professores nunca aconteceu de “forma tão antecipada”.

Os docentes agora colocados na mobilidade interna e na contratação inicial têm dois dias para aceitar a colocação na aplicação eletrónica, e 72 horas para se apresentar nas escolas onde foram colocados.

A publicação, a mais de um mês do arranque do ano letivo, no portal da Direção-Geral da Administração Escolar foi também hoje sublinhada pelo ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

Lembrando que o passado ano letivo terminou mais tarde, devido à pandemia, os docentes ficaram hoje a conhecer onde irão dar aulas no próximo ano, dando mais tempo aos professores e às escolas para se organizarem, lembrou hoje o ministro.

“O ano passado pudemos fazê-lo de forma inédita na primeira quinzena de agosto, e nós estamos preparados agora, estamos a ultimar as listas, para que a mais de um mês do início do ano letivo os professores possam conhecer as listas de colocação”, anunciou Tiago Brandão Rodrigues.

No mês passado, foram divulgadas as listas de colocação do concurso interno e concurso externo.

​​​​​​​A tutela recorda em comunicado que nos últimos seis anos vincularam aos quadros do Ministério da Educação aproximadamente 11 mil docentes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link