Educação

Mais de 120 mil alunos de escolas portuguesas vão poder aprender gratuitamente programação

Notícias de Coimbra com Lusa | 7 meses atrás em 06-11-2023

 Mais de 120 mil alunos de escolas portuguesas vão poder aprender gratuitamente programação assim como três mil professores, para quem já existem 200 bolsas de formação, através da organização sem fins-lucrativos Code-org.

PUBLICIDADE

Criado há 10 anos nos Estados Unidos, o movimento internacional Code.org chega agora a Portugal com o objetivo de alargar o ensino da programação a crianças e professores, revela a Fundação Santander Portugal que é parceira deste projeto.

Contando com os professores neste processo, o programa tem já disponíveis 200 bolsas de formação para que os docentes possam aprender noções básicas de programação e aplicá-las nas suas salas de aulas, independentemente das disciplinas que lecionam.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Todos os professores, desde o pré-escolar ao secundário, podem inscrever-se em https://exitoeducativo.com/cd/index_pt, sendo que a meta é dar formação a três mil docentes nos próximos três anos.

PUBLICIDADE

Para isso, existem conteúdos gratuitos disponíveis na plataforma da Code.org: São 28 módulos ‘online’, que os professores podem assistir ao seu ritmo, e quatro webinars para ajudar a implementar um projeto final na sala com os seus alunos.

A formação, acreditada pelo Centro de Formação da Associação Nacional de Professores de Informática, terá uma duração de 50 horas e conta para a progressão de carreira dos professores, garante a Fundação Santander.

“Sendo uma plataforma aberta e gratuita, a Code.org está a contribuir para reparar o elevador social, proporcionando o acesso a todos e contribuindo para uma sociedade mais inclusiva. A programação deve tornar-se cada vez mais numa linguagem que se aprende desde muito cedo, tal como outras línguas essenciais. No futuro, todos vamos precisar de saber ‘falar’ a linguagem da programação”, afirmou Inês Oom de Sousa, presidente da Fundação Santander Portugal, em declarações à Lusa.

Será também lançada a campanha “Hora do Código”, que consiste em eventos de uma hora em que as crianças podem contactar pela primeira vez com a programação, através de vídeos, jogos e atividades.

A ideia é ensinar crianças e jovens a programar preparando-as para as profissões do futuro, tendo em conta o recente relatório do Fórum Económico Mundial, que estimou que serão eliminados 83 milhões dos atuais 673 milhões postos de trabalho e que as profissões mais procuradas no futuro serão na área tecnológica (desde analistas e cientistas de dados, a especialistas em big data ou em Inteligência Artificial e profissionais de segurança cibernética).

A Code.org conta com vários embaixadores, desde Barack Obama, Joe Biden, Bill Clinton e o canadiano Justin Trudeau a Bill Gates, Jeff Bezos, Mark Zuckerberg, Susan Wojcicki ou Sheryl Sandberg.

O cantor Bono, a ativista Malala, o empresário inglês Richard Branson ou a presidente executiva do Grupo Santander, Ana Botín, são outros dos embaixadoras de iniciativa que surgiu há uma década nos Estados Unidos da América e hoje conta com a participação de mais de 80 milhões de alunos.

Na plataforma da Code.org estão registados mais de 80 milhões de alunos e mais de 100 milhões já participaram em iniciativas “Hour of Code” a nível global, refere o Santander.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE