Coimbra

Machado comemora um ano de mandato com as ideias e projetos do PSD?

Notícias de Coimbra | 9 anos atrás em 22-10-2014

O PSD diz que sim!

PUBLICIDADE

A oposição que saiu da situação adianta mesmo “que Machado, lançou um programa de festividades e inaugurações suportado num palavrório falacioso e com o qual tenta esconder as mentiras que nortearam a sua campanha.”

Os laranjas de Coimbra afirmam que “Manuel Machado, passadista na forma como faz a gestão do bem público e espelhando a ausência de um modelo de desenvolvimento para o concelho foi visitar as obras lançadas pelo anterior executivo fazendo de uma forma pouco séria passar a ideia de que seriam projetos e  intervenções do atual executivo socialista.”

PUBLICIDADE

publicidade

O PSD conta através de NDC  “que nada tem contra o facto da atual Câmara dar continuidade às tarefas conceptualizadas e executadas pelo executivo anterior, mas considera inadmissível que o atual Presidente da  Câmara de Coimbra se envolva na desaceleração da concretização de alguns projetos  para deles tirar proveito político em detrimento da qualidade de vida das populações”.

A obra requalificação da Av. João das Regras, que teve a sua primeira adjudicação em Julho de  2013, contrariando o que pretendiam “os Vereadores do Partido Socialista” que “em coerência,  aliás, com aquilo que defenderam na altura de apresentação do projeto” votaram contra, é agora  o palco principal de Manuel Machado, no qual tenta esconder a ausência de novas ideias, novas  políticas e novas intervenções no concelho e na cidade,acrescenta a informação do PSD.

PUBLICIDADE

Os social democratas dizem que “Todos estamos recordados, da oposição do Dr. Machado à obra de limpeza do Rio dos Fornos, candidatura submetida em Agosto de 2013 e da candidatura ao Programa Reabilitar para  Arrendar, submetida em Junho de 2013, que incluía para além do Terreiro da Erva, a intervenção da Rua da Sofia e Avenida Central”.

Um ano depois o PSD considera que a conclusão das intervenções que estavam em curso são um imperativo ético e democrático e não uma arma de utilização política por alguém, cujo único  objetivo é ajustar contas com o passado. Um ano depois da permanência de Manuel Machado  na Câmara os conimbricenses deveriam ser informados do balanço das promessas eleitorais feitas pelo Partido Socialista e apresentados os projetos que estão a ser desenvolvidos para o concelho no âmbito do novo quadro de financiamento que abrirá muito em breve novas  oportunidades.

“Coimbra não pode parar”,  por isso o PSD afirma que  “está na altura de o Dr. Machado ultrapassar o trauma de ter perdido as eleições à treze anos atrás!”

O PSD salienta que “esta atitude de ilusionista da política local deve ser desmascarada e neste contexto  apresentamos de uma forma muito objectiva algumas das referências que demonstram que  Manuel Machado tudo aproveita para tentar enganar os habitantes do Concelho de Coimbra.

Sem título

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE