Conecte-se connosco

Académica

Liga dos primeiros ao rubro com Académica na Luz e Sporting nos Barreiros

Publicado

em

O Sporting visita no sábado o Marítimo, num jogo sem margem para erro na ainda “matemática” corrida ao título, fase em que o Benfica, que receberá a Académica, respira confiança na liderança da I Liga de futebol.

O triunfo frente ao FC Porto (1-0) reforçou o segundo lugar dos “leões”, agora com mais cinco pontos do que o rival, mas a última jornada também mostrou um Benfica implacável na frente e com a ideia de que o título tem tudo para desta vez ser uma realidade.

Os problemas da última época, em que perdeu a liderança na penúltima jornada, não parecem vir a colocar-se ao Benfica, que conta com mais sete pontos do que o Sporting, além de vantagem no confronto direto em caso de igualdade pontual, e 12 em relação ao FC Porto.

O campeonato tem ainda em disputa 21 pontos, mas as dificuldades que as “águias” podem vir a ter nesta reta final não são muito diferentes das que enfrentam também os seus rivais.

Para já, nesta 24.ª jornada, as maiores dificuldades até se colocam teoricamente ao Sporting, que joga no Estádio dos Barreiros, onde não vence há duas épocas (um empate e uma derrota), perante um Marítimo que também precisa de pontos na luta europeia (está a quatro do quinto lugar).

Os “leões” têm legítimas aspirações ao título, mas não podem deixar que o fosso para o primeiro aumente muito mais: estão praticamente “obrigados” a vencer e esperar que no dia seguinte, no domingo, o rival Benfica não consiga aquilo que é o mais provável, vencer a Académica (10.ª classificada).

A equipa de Jorge Jesus atravessa a sua melhor série na I Liga, com seis vitórias consecutivas, mas entre os seus espaçados tropeções estão dois inexplicáveis empates em casa: com o Belenenses (1-1, 6.ª jornada) e Arouca (2-2, 12.ª).

Também no domingo, o FC Porto, a 12 pontos do Benfica, entra em campo no Estádio do Dragão frente ao Belenenses, num jogo em que enfrenta um dos melhores adversários possíveis (15.º), quando não pode contar com os castigados Danilo, Fernando e Quaresma, nem com o lesionado Helton.

São baixas muito importantes na equipa de Luís Castro, três dias depois de jogar em Nápoles para a Liga Europa, mas o Belenenses, que esta semana viu sair o técnico Marco Paulo, não vence há seis jornadas e está afundado na zona de descida.

A jornada tem início na sexta-feira, com o Rio Ave a receber o Sporting de Braga (20:00). Os bracarenses mostram-se instáveis e sem a força de outras temporadas, encontrando-se no sexto lugar, a três pontos da zona europeia.

Já no sábado e a anteceder o Marítimo-Sporting (19:00), disputa-se o Vitória de Guimarães (7.º)-Gil Vicente (12.º), com a equipa vitoriana a continuar na luta pela Europa (a quatro pontos do Nacional, 5.º classificado).

No domingo, destaque, além de compromissos de Benfica e FC Porto, para jogos importantes na fuga à descida, com o Olhanense (16.º e último) a receber o Nacional e o Paços de Ferreira (14.º) o Arouca (13.º).

O final da jornada acontece na segunda-feira no Estádio do Bonfim, com o Vitória de Setúbal (9.º) a receber o sensacional Estoril, equipa que ocupa o quarto lugar e está a quatro pontos do FC Porto.

Programa da 24.ª jornada:

– sexta-feira, 21 mar:

Rio Ave – Sporting de Braga, 20:00 (SportV).

– sábado, 22 mar:

Vitória de Guimarães – Gil Vicente, 17:00 (SportTV).

Marítimo – Sporting, 19:00 (SportTV).

– domingo, 23 mar:

Olhanense – Nacional, 15:00.

Paços de Ferreira – Arouca, 16:00.

Benfica – Académica, 18:00 (Benfica TV).

FC Porto – Belenenses, 19:15 (SportTV).

– segunda-feira, 24 mar:

Vitória de Setúbal – Estoril, 20:00 (SportTV).

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade