Desporto

Jorge Rosário antevê dificuldades para a Académica em Arouca

Notícias de Coimbra | 10 anos atrás em 02-03-2014

O treinador adjunto Jorge Rosário disse hoje que Académica vai ter de “correr e jogar mais” do que o Arouca se quiser vencer segunda-feira, no jogo de encerramento da 21.ª jornada da I Liga de futebol.

PUBLICIDADE

Em substituição de Sérgio Conceição, suspenso por 20 dias pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência da expulsão frente ao Estoril (na 18.ª jornada), Jorge Rosário salientou que se trata de uma partida entre duas equipas “do mesmo campeonato”.

“Para ganharmos vamos ter de correr e jogar mais do que o adversário e não sofrer golos”, frisou hoje o técnico adjunto, na conferência de antevisão ao jogo, que se disputa em Arouca, lembrando que a equipa treinada por Pedro Emanuel “tem feito excelentes partidas nas últimas jornadas”.

PUBLICIDADE

Em caso de vitória, a Académica soma 27 pontos e tem praticamente garantida a manutenção na I Liga, uma vez que nas últimas épocas nenhum clube desceu com este número de pontos.

“Se fizermos três pontos ficamos próximo da nossa meta de 30 pontos e com o nosso objetivo praticamente cumprido”, salientou Jorge Rosário, que, no entanto, considerou a partida “muito difícil para as duas equipas”.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

O técnico adjunto da “Briosa” teme que o relvado do Arouca não esteja nas melhores condições devido ao mau tempo dos últimos dias, antevendo “um jogo de entrega, garra e de muita atenção às segundas bolas, ressaltos e bolas paradas”.

A Académica, 10.ª classificada com 24 pontos, defronta o Arouca, 13.ª da tabela com 19 pontos, na segunda-feira, a partir das 20:00, no Estádio Municipal de Arouca, com arbitragem de Bruno Esteves, de Setúbal.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE