Conecte-se connosco

Coimbra

Jardim Botânico vai às escolas de Coimbra

Publicado

em

No ano em que celebra os 250 anos da sua fundação, o Jardim Botânico da Universidade de Coimbra (JBUC) vai dar-se a conhecer aos alunos e professores do 1º ciclo do Ensino Básico das escolas do concelho de Coimbra. As sessões vão ter início amanhã, 28 de janeiro, pelas 10h00, na EB1 de Almalaguês e a primeira sessão vai contar com a presença da vereadora da Educação da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Ana Cortez Vaz.

O projeto “O Jardim vai à Escola” consiste numa sessão de divulgação do Botânico nos estabelecimentos escolares, ao abrigo de um protocolo estabelecido com a CM Coimbra. O objetivo é despertar a curiosidade dos mais novos para o mundo fascinante das plantas, bem como “o interesse das escolas em visitar, num futuro próximo, o Jardim Botânico, permitindo que os alunos tenham um contacto direto com as coleções”, salienta a diretora do JBUC, Teresa Girão.

Nas sessões, os alunos vão descobrir quais as espécies emblemáticas do Jardim Botânico, os seus cheiros e cores ao longo das estações, e a sua evolução ao longo destes 250 anos de história. Com início amanhã, pelas 10h00, na Escola Básica do 1º ciclo (EB1) de Almalaguês, as ações realizam-se sempre às sextas-feiras de manhã e já estão agendadas. 

Na primeira-fase deste projeto, estão incluídas as EB1 do Ameal e Arzila (04 de fevereiro), de Taveiro (11 de fevereiro), de Torres do Mondego (18 de fevereiro), Vera Cruz e Vila Verde (25 de fevereiro), de São Martinho de Árvore (04 de março), de Marmeleira (11 de março), de Larçã e Sargento-Mor (18 de março) e de Souselas (25 de março). De abril a junho, estando incluídas as EB1 de Antuzede (01 de abril), de São João do Campo (08 de abril), de Bairro Azul (22 de abril), de São Silvestre (29 de abril), de Brasfemes (06 de maio), de Vendas de Ceira (13 de maio e 20 de maio), de Feteira (20 de maio), de Casconha (27 de maio e 03 de junho) e da Palheira (24 de junho).

 

Já na segunda-fase do projeto serão incluídas as escolas das freguesias/união das freguesias de Trouxemil e Torre de Vilela; Eiras e São Paulo de Frades; Santa Clara e Castelo Viegas; São Martinho do Bispo e Ribeira de Frades; Sé Nova, Santa Cruz, Almedina e São Bartolomeu; e de Santo António dos Olivais.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link