Conecte-se connosco

Universidade

Investigadores lançam campanha para publicação de livro sobre crise e jornalismo

Publicado

em

Dois investigadores brasileiros lançaram uma campanha de financiamento para publicarem um livro sobre a crise e o jornalismo, que decorre até 11 de novembro e que é apoiada pela Infraestrutura Europeia de Investigação OPERAS.

Baseados na Universidade de Coimbra (Portugal) e na Universidade de Edimburgo (Escócia), Juliana Alcantara e Ricardo Ribeiro Ferreira lançaram a campanha com o objetivo de “cobrir os custos da publicação do livro, que visa discutir sob diferentes perspetivas questões críticas sobre crise e jornalismo, em seis áreas temáticas”.

Essas áreas são a política, a economia, a saúde pública, as alterações climáticas, a migração e a guerra e o conflito, segundo uma nota de imprensa hoje enviada à agência Lusa.

“A obra reunirá perspetivas da academia e de jornalistas especializados, integrando teoria e prática”, acrescentaram.

Os investigadores consideraram que, “durante a atual pandemia de covid-19, o jornalismo fez soar os alarmes da sua importância e necessidade”, ajudou “a sensibilizar e a esclarecer um vírus ainda desconhecido”, a defender programas de vacinação e a denunciar “líderes mundiais por fazerem um trabalho deficiente na gestão de uma crise de saúde global”.

“No entanto, o jornalismo enfrenta uma crise própria, lutando com mudanças radicais no sistema dos meios de comunicação social”, além dos “cenários de desinformação”, numa altura em que, “ao mesmo tempo, diferentes crises afetam diferentes países de diferentes maneiras”.

É neste âmbito que o livro propõe “uma análise da relação entre crise e jornalismo”, abordando a teoria e a prática e indo “para além das perspetivas ocidentais ou do Norte Global”.

A publicação em acesso aberto e o financiamento coletivo deste livro permitirão a distribuição gratuita de exemplares em universidades brasileiras e europeias.

Juliana Alcantara é doutoranda em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo e Comunicação pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Tem mais de dez anos de experiência profissional como relações públicas e jornalista, trabalhando nos principais meios de comunicação social brasileiros.

Ricardo Ribeiro Ferreira é doutorando em Política e tutor na Escola de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Edimburgo e tem mestrado em Jornalismo e Comunicação pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. A sua experiência como jornalista inclui 18 anos como repórter, editor e correspondente internacional para a Folha de São Paulo.

A OPERAS é a Infraestrutura de Investigação que apoia a comunicação académica aberta nas Ciências Sociais e Humanas no espaço europeu de investigação.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com