Conecte-se connosco

Desporto

Inglaterra vence Grupo D e Croácia garante apuramento

Publicado

em

A Croácia, liderada pelos ‘craques’ Luka Modrid e Ivan Perisic, qualificou-se hoje para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer por 3-1 a Escócia, que eliminou, num Grupo D conquistado pela Inglaterra.

Os vice-campeões mundiais em título garantiram o apuramento como segundos classificados do agrupamento, com os mesmos quatro pontos da República Checa, que entrou líder e já apurada e acabou no terceiro posto, à frente dos escoceses, com um.

Em Glasgow, os croatas adiantaram-se no marcador aos 17 minutos, num remate de pé esquerdo de Nikola Vlasic, no ‘coração’ da área, depois de um centro da direita de Juranovic e um amortecimento de cabeça de Perisic.

Para grande contentamento dos adeptos da ‘casa’, a Escócia, que ainda não tinha marcado, conseguiu chegar à igualdade – que eliminaria as duas equipas -, aos 42 minutos, com um remate à entrada da área de Collum McGregor, numa jogada de insistência.

Na segunda parte, as duas equipas foram à procura do golo do apuramento e ele nasceu da classe de um jogador ímpar, o ‘Bola de Ouro’ Luka Modric, com uma ‘trivela’ à entrada da área, aos 62 minutos, que fez a bola entrar junto ao poste direito.

A Croácia ficou, definitivamente, por cima e, aos 77 minutos, acabou com as dúvidas, com um tento de Perisic, que subiu às alturas para desviar de cabeça um canto marcado na esquerda por Modric e selar o seu segundo tento na prova.

Os escoceses lutaram até ao fim, tentaram ainda marcar e reentrar no encontro, mas não conseguiram, mantendo-se a ‘zero’ em grandes competições: em 11 fases finais, entre Europeus e Mundiais, nunca ultrapassaram a fase de grupos.

Nos oitavos de final, a Croácia vai defrontar – sem Dejan Lovren, que viu o cartão amarelo e vai cumprir um jogo de castigo – o segundo colocado do Grupo E, a já apurada Suécia, a Eslováquia, a Espanha ou a Polónia, de Paulo Sousa.

Se a Croácia se qualificou, a Inglaterra, que tinha assegurado o apuramento na segunda-feira, garantiu o primeiro lugar do agrupamento, ao vencer a República Checa por 1-0, com um golo madrugador, no mítico Wembley.

Aos 12 minutos, de um jogo arbitrado sem problemas pelo português Artur Soares Dias, Raheem Sterling cabeceou para a vitória, ao segundo poste, na sequência de um centro da esquerda de Jack Grealish, uma das novidades no ‘onze’ dos ‘três leões’.

Os ingleses controlaram, depois, o encontro e estiveram várias vezes perto do segundo, sendo que os checos também construíram algumas ocasiões, nomeadamente na primeira parte, por intermédio de Hols (28 minutos) e Soucek (29 e 35).

O ‘onze’ de Gareth Southgate segurou, porém, a vantagem e ganhou o agrupamento, o que lhe permite manter-se em Wembley, onde ‘receberá’ na terça-feira o segundo do Grupo F, que poderá ser Portugal e também França, Alemanha ou Hungria.

Quanto aos checos, podem defrontar os Países Baixos, a Bélgica ou o primeiro classificado do Grupo E.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com