Conecte-se connosco

Destaque

Idoso de Seia descobre que foi declarado como morto

Publicado

em

Benjamim, um idoso de 89 anos, residente no concelho de Seia foi declarado como morto na base de dados do Serviço Nacional de Saúde. Foi após um internamento de três meses que o idoso descobriu que estava afinal dado como morto, quando já em casa precisou de ir levantar medicamentos ao Centro de Saúde de Seia e a prescrição não era permitida porque se encontrava declarado o óbito, noticiou hoje a SIC.

Para conseguir ter acesso aos medicamentos de que necessitava, a prescrição médica teve de ser passada em nome da sua esposa. O mesmo problema ocorre na lista para vacinação contra a covid-19, como se encontra declarado o óbito, Benjamim não tem acesso a vacina.

O óbito foi declarado a 23 de dezembro quando Benjamim se encontrava hospitalizado na unidade de covid-19 no Hospital da Guarda. O hospital diz que se tratou de um erro, e o Centro de Saúde de Seia afirma que o problema já está resolvido.

Veja o vídeo aqui

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com