Conecte-se connosco

Região

Homem encontrado sem vida num buraco com 7 metros em Arganil

Publicado

em

Um homem com 56 anos foi encontrado morto, esta manhã, num “buraco com 6, 7 metros de profundidade” na aldeia de Porto Castanheiro, no concelho de Arganil, confirmou ao Notícias de Coimbra, Fernando Gonçalves comandante dos Bombeiros Voluntários arganilenses.

O comandante da corporação explicou ao Notícias de Coimbra que, “a aldeia fica numa encosta e entre os socalcos que tem foram construídas habitações e muros. Há uma zona que tem um buraco com uma profundidade de 6, 7 metros. O homem foi encontrado nesse buraco, entre duas paredes”, acrescentando que a vítima estaria a trabalhar numa pequena horta nuns terrenos de que era proprietário.

Fernando Gonçalves referiu ao NDC que, foi “necessário acionar a equipa de Grande Ângulo dos Bombeiros Voluntários de Arganil para conseguir retirar o corpo. Após as manobras de resgate, a equipa médica declarou o óbito no local”.

O alerta foi dado às 8:47 por populares que estranharam a ausência do homem, que já não era avistado há alguns dias, uma vez que é conhecido pela população e que residia em Porto Castanheiro, mencionou ao Notícias de Coimbra o comandante da corporação.

Para além da equipa de Grande Ângulo, para o local foram mobilizados elementos dos Bombeiros Voluntários de Arganil e ainda a equipa médica de emergência e reanimação. A Guarda Nacional Republicana esteve presente e registou a ocorrência.

O cadáver foi transportado para o Instituto de Medicina Legal.

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com