Conecte-se connosco

Coimbra

Há Lampreia…do Rio Mondego

Publicado

em

O presidente da Câmara de Penacova, Humberto Oliveira, disse hoje que a presença de lampreias no rio Mondego a montante de Coimbra tem vindo aumentar desde que a nova escada de peixes começou a funcionar.

“O ano passado foi aquele em que mais lampreia se viu em Penacova”, afirmou Humberto Oliveira, na apresentação do Festival da Lampreia, que vai decorrer no concelho entre sexta-feira e o domingo.

O autarca do PS admitiu que o aumento do número daquele ciclóstomo seja resultado da abertura da escada de peixes, há mais de dois anos, junto à ponte açude de Coimbra, que constituía há 25 anos o principal obstáculo à subida das lampreias e várias espécies piscícolas características da gastronomia de Penacova.

Na edição deste ano do Festival da Lampreia, promovido pela Câmara Municipal com a colaboração da Confraria da Lampreia, vão participar 12 restaurantes, mais um do que em 2013.

“No ano passado, os 11 restaurantes aderentes serviram 3.000 refeições durante o festival”, segundo Humberto Oliveira.

Com apoio da autarquia, os restaurantes irão oferecer aos clientes, no período do evento, “algumas entradas” para visitar o Museu do Moinho e o Mosteiro de Lorvão.

Os preços da iguaria, “articulados com os restaurantes”, são de 20 euros por uma dose e 55 euros por uma lampreia.

Segundo Humberto Oliveira, os restaurantes poderão praticar preços mais moderados nos três dias do festival, uma vez que a Câmara Municipal vai custear as sobremesas nas refeições servidas, oferecendo os tradicionais pastéis de Lorvão e nevadas, como incentivo à atividade económica do concelho e à preservação da gastronomia local.

O presidente da autarquia admitiu aos jornalistas que o encerramento temporário da estrada nacional 110, entre Coimbra e Penacova, através da margem direita do Mondego, “não condiciona, mas também não facilita” a afluência à vila dos apreciadores do arroz de lampreia.

“Primamos por fazer a lampreia à moda de Penacova”, disse Fernanda Pimentel, vice-presidente da Confraria da Lampreia, anunciando que o XI Capítulo da instituição vai realizar-se no dia 05 de abril, com a participação dos seus membros, bem como convidados nacionais e estrangeiros.

A oração de sapiência do encontro gastronómico estará a cargo de Nelson Correia Borges, professor da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, natural da freguesia de Lorvão, em Penacova.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com