Crimes

GNR apreende mais de 349 mil cigarros

Notícias de Coimbra com Lusa | 1 ano atrás em 23-02-2023

A Guarda Nacional Republicana (GNR) confiscou na quarta-feira 349.400 cigarros no concelho da Póvoa do Lanhoso. A apreensão foi feita através do Destacamento de Ação Fiscal (DAF) do Porto, “no âmbito de uma investigação por introdução fraudulenta no consumo que decorria há cerca de dois anos”.

PUBLICIDADE

O valor do tabaco apreendido ascende a 83.189 euros, “sendo que a sua comercialização ilícita teria causado um prejuízo ao Estado em sede de Imposto sobre o Tabaco (IT) num valor aproximado de 66.551 euros“, explica a GNR em comunicado.

A investigação apurou que dois homens, de 45 e 54 anos, respetivamente, se dedicavam à venda do tabaco ao consumidor final, através dos circuitos comerciais marginais. “A ação culminou com o cumprimento de dez mandados de busca, duas domiciliárias e oito em estabelecimentos e veículos, que permitiram a apreensão de 349.400 cigarros por introdução fraudulenta no consumo”, pode-se ler na nota informativa.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Foram ainda apreendidas duas armas de caça, uma arma de ar comprimido e dois telemóveis.

PUBLICIDADE

Os dois suspeitos foram constituídos arguidos e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Póvoa de Lanhoso.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE