Coimbra

Gestão de espécies invasoras em debate na ESAC

Notícias de Coimbra | 5 anos atrás em 18-12-2018

 

PUBLICIDADE

A dinamização deste tipo de eventos tem como objetivo promover a troca de conhecimento entre os intervenientes envolvidos na gestão das espécies invasoras, mas também alertar os cidadãos para este problema grave

 

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A Escola Superior Agrária (ESAC) do Politécnico de Coimbra (IPC) organiza um seminário para debater a Gestão das Espécies Invasoras, com oradores de reputado mérito a nível nacional, com experiência em diferentes áreas. Esta iniciativa decorre no dia 21 de dezembro, entre as 14h e as 17h, no auditório H1.

PUBLICIDADE

A importância deste seminário, segundo a professora da ESAC, Hélia Marchante, deve-se ao facto de que “as espécies invasoras configuram uma das maiores ameaças à biodiversidade, aos serviços dos ecossistemas, aos próprios sistemas produtivos (por exemplo, agrícolas, florestais, piscícolas), com repercussões graves a nível económico e até na própria saúde pública”.

Estas espécies invasoras vieram de fora, de todas as partes do mundo, e adaptaram-se às condições da nova área de distribuição de forma a conseguirem multiplicar-se com sucesso, sem intervenção humana, atingindo densidades elevadas e causando impactos negativos a vários níveis.

A professora alerta que “apesar destas espécies serem cada vez mais frequentes e estejam a proliferar de forma alarmante (por exemplo, a vespa-asiática, mimosas e outras acácias, erva-das-Pampas, jacinto-de-água) e a causar problemas por todo o país e por quase todo o mundo, continua a ser um tema desconhecido para a maioria do público”.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE