Conecte-se connosco

Lazer

“Foliar entre Montes e Mar” une Mealhada, Góis e Mira na tradição carnavalesca

Publicado

em

“Foliar entre Montes e Mar” é um projeto em rede que une os municípios de Mealhada, Góis e Mira na tradição carnavalesca. A partir da tradição de cada um – o samba, na Mealhada, os caretos da Lagoa de Mira e a Corrida do Entrudo em Góis – será desenvolvido um vasto programa que inclui exposições, espetáculos de música, de teatro e dança, workshops, lançamento de livros e mesmo de produtos turísticos inovadores, como sejam roteiros enogastronómicos. As atividades são gratuitas e o investimento global do programa ronda os 250 mil euros.

Na Mealhada, o Carnaval é vivido ao ritmo dos passos e sons do samba, com a exuberância do carnaval inspirador, o do Rio de janeiro (Brasil), trazido pelas quatro escolas de samba que vão perpetuando, de avós para pais e filhos, esta tradição, que chega a ser um modo de vida.

Mira dá destaque à tradição antiga dos caretos da Lagoa, que saem à rua de “Campina”, a máscara pintada e ornamentada com cornos e peles de animais. Trajam saia vermelha, numa alusão ao pecado e camisa branca que simboliza a pureza. Trazem presos em correias de couro os inevitáveis chocalhos. A tradição é antiga e, acredita-se, ter ligação a rituais pagãos de iniciação dos rapazes na idade adulta.

Em Góis vive-se o Entrudo Tradicional das Aldeias do Xisto com a “Corrida do Entrudo”. Nesta corrida, as máscaras de cortiça são adorno obrigatório.  Feias e diabólicas, são adornadas por vários elementos como os cornos de cabras, barba de milho, lã de ovelha, hastes de veados, dentes de javali… E por detrás destas, manda a tradição que sejam declamadas “quadras jocosas” sobre os habitantes das aldeias corridas.

É destas três realidades distintas de vivenciar o Carnaval que nasce um programa cultural em rede com o objetivo de “preservar os valores naturais e culturais carnavalescos dos três territórios”, procurando aumentar a sua atratividade turística. Assim, de fevereiro a setembro, cada município tem uma série de atividades gratuitas, desde ciclos de teatro a workshops, exposições ou atividades de cinema ou dança, que se realizarão, preferencialmente ao ar livre, valorizando espaços de valor patrimonial e paisagístico – parques, praias ou anfiteatros.

O programa “Foliar entre Montes e Mar”, com um investimento de 254.146,45€ a fundo perdido resulta de uma candidatura ao CENTRO 2020. Além da promoção e preservação da herança cultural de cada território, visa promover um produto turístico diferenciador, permitindo aumentar a capacidade de atração de visitantes.

Segundo António Jorge Franco, presidente da Câmara Municipal da Mealhada, “este é um programa que valoriza toda a região e que promove a oferta turística dos três municípios.  Estamos ligados pela história, pela gastronomia, pela cultura e os três juntos conseguimos apresentar uma oferta diversificada e diferenciadora”, sublinha o autarca.

Também Rui Sampaio, autarca de Góis, destaca a “oportunidade que este programa cultural para os territórios. No caso de Góis, as particularidades do nosso Carnaval já fazem dele uma marca em que apostamos muito e que queremos promover”, refere.

Raúl Almeida, presidente da Câmara Municipal de Mira, salienta a diversidade dos três municípios no que se refere ao Carnaval, bem como no tipo de atividades que integram o programa financiado a 100% no âmbito dos apoios à cultura no contexto de pandemia. “É realmente um programa cultural, temos livros, exposições, cinema, teatro, roteiros ligados à gastronomia e à natureza. Tudo isto bem casado com o samba da Mealhada, o Entrudo de Góis e os caretos da Lagoa”, referiu.

Atividades                     

Celebração 50 anos Carnaval da Mealhada

– Gala dos 50 anos do Carnaval da Mealhada;

– Inauguração da exposição “50 anos do Carnaval da Mealhada”;

– Lançamento do livro digital “História dos 50 anos do Carnaval da Mealhada”.

Exposição “Retratos de 15 anos de folia e foliões”

Esta atividade envolverá a dinamização de uma exposição de fotografia coletiva focada na evolução da revitalização da Corrida do Entrudo das Aldeias do Xisto de Góis, através da apresentação de momentos memoráveis ao longo destes 15 anos da recuperação de uma tradição esquecida e do processo de envolvimento da comunidade e de mentores e personagens essenciais ao longo deste tempo.

Encontro Ibérico de Caretos

Apresentação pública do projeto “Foliar entre Montes e Mar” e Exposição fotográfica sobre a história dos Caretos da Lagoa. Este encontro tem como objetivo, reforçar tradições ancestrais dos vários grupos participantes, dando a conhecer outras culturas geográficas de locais ibéricos.

Fazer Fitas – Ciclo de Curtas-Metragens

Ao divulgar as tradições carnavalescas nos territórios de Góis, Mealhada e Mira, este ciclo de cinema contribui para a projeção da imagem da região, preservação da memória e para a captação de novos fluxos turísticos. Procurar-se-á igualmente projetar a imagem dos três territórios, não só a nível nacional, como também a nível internacional. Prevê-se a realização de uma noite de cinema ao ar livre, em itinerância nos três municípios.

Workshops Para Foliões

Organização de diversos workshops, em itinerância, partilhando os saberes das diferentes associações dos três municípios ligadas às tradições carnavalescas, vivenciando o Carnaval para além da época do Entrudo. Serão dinamizados três temas (dança, adereços e música), num total de nove sessões, que irão percorrer os três municípios em itinerância:

– Entra na Roda e Dança: com este ciclo pretende-se estimular a revitalização das tradições carnavalescas, captando jovens para integrar as associações existentes.

Workshop “Entra na Roda e Dança”: Roda de Samba;

Workshop “Entra na Roda e Dança”: Baile Serrano de Góis;

Workshop “Entra na Roda e Dança”: Corrida da Campina.

– Máscaras e Adornos: o engenho cultural, instituído pela falta de base económica para adquirir materiais, é aguçado pela imaginação frutífera dos foliões. Nestes workshops, onde será transmitida a arte de criação de adereços carnavalescos, serão promovidas medidas de fomento da responsabilidade social, nomeadamente com o recurso à utilização de materiais naturais e recicláveis, contribuindo para um menor impacto para o ambiente.

Workshop “Mascaras e Adornos”: Trajes do Carnaval Luso Brasileiro;

Workshop “Mascaras e Adornos”: A Sapiência entre Cortiços;

Workshop “Mascaras e Adornos”: Caretos de Mira.

– Sons do Entrudo Inclusivo: as escolas de sambas e grupos de música tradicional que animam o entrudo em cada um dos territórios darão a conhecer as características dos instrumentos musicais, ajudarão a perceber de que forma o som é produzido e ensinam os participantes a classificar os instrumentos de acordo com o modo de produção sonora.

Workshop “Sons do Entrudo Inclusivo”: Instrumentos de Bateria;

Workshop “Sons do Entrudo Inclusivo”: O Som da Folia.

Ciclo de Teatro Satírico

Ciclo de Teatro Comédia de autores reconhecidos pela Sátira/crítica social, portugueses e estrangeiros (Molière, Gil Vicente, Luís de Camões, Camilo Castelo Branco…).

Esta atividade envolverá, igualmente, a criação em rede de uma programação cultural de espetáculos de Teatro, num registo cómico, que transporta o público simultaneamente a fruição cultural e o usufruto do património local. A realizar em itinerância nos três territórios, integrado em fins-de-semana que incluam outros eventos previstos. 

Exposição interativa “Foliar entre Montes e Mar”

Esta atividade envolverá a criação e apresentação de uma exposição interativa, e itinerante nos três territórios, do projeto “Foliar entre Montes e Mar”.

As exposições decorrerão preferencialmente em locais emblemáticos do património arquitetónico dos municípios e serão acompanhadas por animação dinamizada pelos grupos carnavalescos de cada território.

Exposição “Máscaras de cortiça do objeto ao entrudo”

Com esta atividade pretende-se desafiar os artistas/artesãos locais para se inspirarem nas práticas associadas ao entrudo/carnaval e a reinterpretar esse património material sobre diversas formas. Este será o fator material que complementará a exposição interativa, ou seja, cada município promoverá a cedência de obras associadas ao seu carnaval/entrudo as quais estarão patentes posteriormente na exposição (pinturas, esculturas, artesanato, instalações…).

Exposição “Retratos de 16 anos de foliar e foliões”

Dinamização de uma exposição de fotografia coletiva focada na evolução da revitalização da Corrida do Entrudo das Aldeias do Xisto de Góis, através da apresentação de momentos memoráveis ao longo de 16 anos da recuperação de uma tradição esquecida e do processo de envolvimento da comunidade e de mentores e personagens essenciais ao longo deste tempo.

Foliar Livros

Sessão de apresentação dos três livros existentes sobre as tradições carnavalescas nos três territórios, sendo que cada município dinamizará uma sessão no seu território. 

As sessões contarão com a participação das associações locais ligadas ao Entrudo, bem como de animação promovida igualmente por associações locais.

Mealhada – Foliar Livros em Terras de Leitão e Espumante;

Góis – Foliar Livros em Terras do Xisto;

Mira – Foliar Livros em Terras de Mira.

Sentir o Carnaval entre Montes e Mar

Dinamização de uma semana carnavalesca com projetos dos três territórios, em cada um dos municípios.

Sambar entre Montes e Mar: participação de grupos de samba da Mealhada em eventos dinamizados em Góis, que poderão incluir rodas de samba, desfiles ou espetáculos de palco;

Folia de Verão: fim-de-semana turístico e cultural, com participação dos grupos de Góis, Mealhada e Mira. Este evento tem como objetivo criar um carnaval de verão com temas associados ao samba, folclore, capoeira, entre outros;

Baco… Gastronomia e Carnaval

Sendo o Carnaval a época perfeita para o culto a Baco, Deus do Vinho, pretende-se, com esta atividade, desenvolver um produto turístico inovador, com a dinamização de um fim-de-semana gastronómico em cada concelho, aliando duas tradições centenárias, o Carnaval e as vindimas.

Este programa, para além da divulgação dos produtos endógenos, incluirá propostas de alojamento, roteiro gastronómico privilegiando a gastronomia regional, visita a caves, provas de vinhos, experiência de vindimas e experiências de saúde e bem-estar com percursos na natureza.

Tradições ancestrais

Com esta atividade pretende-se promover o levantamento das tradições ancestrais ligadas ao carnaval no território. Este levantamento focar-se-á nas tradições, nos usos e costumes, e culimará na produção de recriações históricas, na realização de um documentário, na criação exposições permanentes e na produção de material de divulgação turística, que complementará a oferta turística em todo o período relativo à Quaresma, minimizando a sazonalidade e potenciando a procura através dum incremento da oferta cultural ligada ao tema.

Programa l Mealhada

23 de abril l Foliar livros em terras de leitão e espumante

28 de maio l Fazer Fitas – Ciclo de curtas-metragem

18 de junho l Workshop: Máscaras e Adornos

Entre 4 e 12 de junho l Ciclo de Teatro Satírico

Junho e julho l Exposição interativa “Foliar entre montes e mar

23 julho l Workshop: Sons do Entrudo inclusivo:

14 agosto l Workshop: Entra na Roda e Dança

13 a 15 de agosto – Baco… Gastronomia e Carnaval

Até agosto 2022 l Tradições ancestrais da minha terra revisitadas

Programa l Mira

26 fevereiro l Foliar Livros – Foliar Livros em Terras de Mira

27 março l Ciclo de Teatro Satírico Interconcelhio

9 e 10 abril l Workshop para Foliões

21 maio l Baco… Gastronomia e Carnaval

23 julho l Fazer Fitas – ciclo de curtas-metragens

24 julho l Encontro Ibérico de Caretos

5, 6 e 7 agosto l Sentir o Carnaval entre Montes e Mar

Agosto l Exposição interativa “Foliar entre montes e mar”

Programa l Góis

17 de janeiro a 31 de janeiro – Exposição “Máscaras de cortiça – do objeto ao entrudo”

1 a 28 de fevereiro l Exposição “Retratos de 16 anos de foliar e foliões”

7 de maio l Workshops Entra na Roda e Dança, Baile Serrano; Roda de Samba; Corrida da Campina

20 de maio l Ciclo de Teatro Satírico – Casa da Cultura de Góis

20 de maio l Workshop: Máscaras e Adornos

28 de maio l Workshops Sons do entrudo inclusivo; O som da folia; Gaita-de-foles; Concertina; Viola; O poder do chocalho; Instrumentos de bateria

1 a 31 de maio l Exposição interativa “Foliar entre montes e mar”

1 a 4 de abril l Baco… gastronomia e carnaval Aldeias do Xisto de Góis

16 de abril l Tradições ancestrais – “O Grande Enterro do Bacalhau”

16 / 17 / 18 de junho l Fazer-Fitas (sessões de cinema Drive-in)

4 de setembro l Foliar Livros em terras do xisto

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link