Conecte-se connosco

Coimbra

Figueira da Foz espera eletricidade em todo o concelho até ao final de quarta-feira

Publicado

em

 

  O restabelecimento total de energia elétrica na Figueira da Foz deverá acontecer até ao final do dia de quarta-feira, disse hoje o presidente da Câmara.

“A Câmara está a ver se consegue o restabelecimento total até ao final do dia de quarta-feira. Esta cobertura total é feita com a ajuda de geradores, que substituem os postos de transformação que ficaram mais danificados”, disse João Ataíde.

O responsável adiantou também que a estimativa aponta para 4.000 pessoas ainda sem eletricidade, metade daquilo que acontecia na segunda-feira.

“Ainda hoje, a freguesia da Marinha das Ondas (onde se situa a Navigator e a Altri, entre outras) deverá completamente restabelecida. Ferreira-a-Nova também deve ficar a 100% e na freguesia de Alhadas só dois lugares ainda não têm luz”, disse.

Na freguesia de Quiaios, de acordo com o autarca, já está tudo praticamente restabelecido, com exceção de Murtinheira, que deverá ficar hoje operacional.

A situação ”mais preocupante é a freguesia de Maiorca, onde caiu uma linha de alta tensão e 20 postos de média tensão foram afetados”.

“Deverá ficar tudo pronto ao final do dia de quarta-feira. O esforço vai nesse sentido”, concluiu.

O Exército também está com a EDP a ajudar no terreno, tal como em outros locais da região Centro.

A passagem do furacão Leslie por Portugal, onde chegou como tempestade tropical, provocou 28 feridos ligeiros e 61 desalojados.

A Proteção Civil mobilizou 8.217 operacionais, que tiverem de responder a 2.495 ocorrências, sobretudo queda de árvores e de estruturas e deslizamento de terras.

O distrito mais afetado pelo Leslie foi o de Coimbra, onde a tempestade, com um “percurso muito errático”, se fez sentir com maior intensidade, segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Na Figueira da Foz, uma rajada de vento atingiu os 176 quilómetros por hora no sábado à noite, valor mais elevado registado em Portugal, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Cerca de 60 mil clientes da região Centro continuavam ao fim da tarde de segunda-feira sem energia elétrica, devido à passagem da tempestade Leslie, menos dez mil do que ao final da manhã, anunciou a EDP Distribuição.

A EDP espera que até ao final do dia de hoje o número de lares sem eletricidade se cifre em 30 mil.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com