Conecte-se connosco

Lazer

Festival Literário do Interior celebra centenários de Saramago e Agustina

Publicado

em

A 5.ª edição do Festival Literário Internacional do Interior – FLII Palavras de Fogo celebra, este ano, os centenários de Agustina Bessa Luís, José Saramago e Matilde Rosa Araújo, anunciou hoje a associação promotora, sediada na Lousã.

Em informação disponibilizada à agência Lusa, a Arte-Via Cooperativa avançou que o festival, agendado entre 16 e 19 de junho, tem como lema “A arte e a cultura como reanimadores de uma região e de um povo” e iniciativas previstas para os municípios da Lousã, Arganil, Condeixa-a-Nova e Miranda do Corvo (distrito de Coimbra) e Alvaiázere, Ansião e Pedrógão Grande (Leiria).

“Trata-se de um evento intermunicipal, daí o seu caráter inovador, que decorrerá em sete concelhos da região afetados pelos fogos, com o objetivo de levar os livros e os escritores aos sítios mais inusitados e imprevisíveis, como fábricas, campos, praias, igrejas, mercados, romarias, locais onde as pessoas trabalham e convivem”, destacou a coordenadora do festival, Ana Filomena Amaral.

“Ou seja, os livros vão ao encontro dos públicos, porque também eles têm saudades”, acrescentou.

A 5.ª edição do evento “celebra os centenários” de Agustina Bessa Luís, José Saramago e Matilde Rosa Araújo, e integra as comemorações dos 80 anos de Adriano Correia de Oliveira, com o tema “Sibilas, rebeldes e génios”.

Sendo o FLII – Palavras de Fogo “um festival de causas, a organização pretende ainda “abordar questões candentes para o devir do mundo, desde logo a emergência ambiental”, e “envolver todos os agentes de desenvolvimento, de todos os municípios participantes e todos os talentos locais, em todas as atividades a realizar em simultâneo”.

Estas incluem ações de formação, concursos, palestras, ‘workshops’, leituras, feiras do livro, espetáculos, multimédia, performances, instalações e exposições, destinadas a públicos “de todas as faixas etárias”.

“O conceito subjacente a este festival é o de uma realização sinérgica, catalisando os recursos dos municípios e outras instituições integrantes do consórcio, rentabilizando e potenciando o melhor que cada um possui, num esforço conjunto de superar as adversidades. E, em nome da palavra regeneradora, onde houver pessoas haverá livros”, frisou Ana Filomena Amaral.

Tendo como patrono o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o FLII – Palavras de Fogo tem como parceiros associados a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, a Delegação Regional da Cultura do Centro, Universidade de Coimbra, Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas e a Rede de Bibliotecas Escolares.

Possui também parcerias com vários festivais congéneres internacionais, como o Fraktura (Croácia), FLIPoços (Brasil), Galway Literary Festival (Irlanda), Vilenica International Literary Festival (Eslovénia), Festival de Poesia de Chepén Chepén (Peru) ou a Feira do Livro de Maputo, entre outros.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link