Coimbra

Festame grátis com Herman, Áurea, UHF…

Notícias de Coimbra | 8 anos atrás em 02-05-2016

Áurea, UHF, Herman José, Lucky Duckies, David Antunes e Midnight Band e Crassh são os artistas que vão animar as noites da FESTAME – Feira do Município da Mealhada, que se realiza de 7 a 12 de junho. Uma festa que se demarca das demais por ser completamente gratuita.

PUBLICIDADE

Rui Marqueiro, Presidente da Câmara Municipal da Mealhada

Rui Marqueiro, Presidente da Câmara Municipal da Mealhada

A segunda edição da FESTAME – Feira do Município da Mealhada aposta numa grande diversidade de cartaz, com propostas para as camadas mais jovens, mas também com artistas de longas carreiras e que são de culto de um público mais maduro, como o caso dos UHF ou de Herman José. Também no estilo de música, a tónica é a diversidade: dos inusitados Crassh, banda que faz música a partir de latas de tinta, canos e outros materiais, aos Lucky Duckies, que trazem o jazz, swing, blues e rock dos anos 50, aos mega sucessos de Áurea e David Antunes & Midnight Band, compositor que se tornou conhecido no programa “5 para a meia-noite”, da RTP.

A música eletrónica também está presente, pelas mãos de um conjunto de dj’s que vão animar o final da noite de espetáculos. Este ano há, de resto, uma área de mostra de novos talentos de dj, vocacionada para as camadas mais jovens que procuram o seu espaço no mundo da música eletrónica.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A FESTAME mantém a área das tasquinhas e do artesanato, que estão na génese do evento, uma vez que começou por ser uma feira de artesanato e gastronomia, mas terá também expositores de comércio, indústria e agricultura.

PUBLICIDADE

Com as inscrições encerradas há poucos dias, estão inscritas 180 empresas/ entidades, sendo que existem apenas 100 espaços de exposição.

Do Programa fazem parte ainda dois eventos lúdico-desportivos: a prova “3 milhas da Mealhada” que, além da vertente de caminhada de lazer, assume, este ano, uma vertente competitiva, com uma prova de atletismo organização pelo Centro Desportivo da Pedrulha, e o encontro de bicicletas antigas, um verdadeiro desfile das velhinhas “pasteleiras”.

O orçamento do certame ronda os 145 mil euros e mantém-se o cunho de ser gracioso. Não há entradas pagas, nem os expositores pagam qualquer verba para participar. “Queremos ser diferentes das outras feiras da região. Podíamos convidar nomes ainda mais fortes, para todas as noites, e fechar a feira às pessoas, cobrando bilhete. Não é esta a nossa opção. E fazemo-lo assim porque podemos. Porque a nossa preocupação não é com o dinheiro, é com as pessoas”, afirmou Rui Marqueiro, presidente da Câmara da Mealhada, durante a apresentação do certame. Justificou ainda que este formato permite que todos os munícipes tenham acesso a grupos do panorama nacional.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE