Conecte-se connosco

Universidade

Felisbela Lopes profere Conferência de Abertura do ano letivo na FEUC

Publicado

em

De modo a assinalar o início do novo ano letivo e a mobilizar a comunidade académica, a Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC) planeou um variado programa de atividades de acolhimento e integração dos/as estudantes, a realizar nos seus espaços. As iniciativas estendem-se por quatro semanas, tendo-se iniciado a 12 de setembro. 

O objetivo da FEUC passa por restabelecer dinâmicas presenciais, atrair estudantes e apelar ao envolvimento de toda a comunidade FEUC e entidades que com ela se relacionam. Nesse propósito, o debate em torno de grandes questões do nosso tempo é crucial, desde logo pela interpelação que nos lança a refletir sobre o nosso futuro comum, espelhado, por exemplo, no modo como o espaço público é animado por opinion makers que, fazendo uso dos seus saberes especializados, nos fornecem códigos interpretativos da realidade.

Nesse sentido, no próximo dia 21 de setembro, pelas 17h, no Auditório da FEUC, a professora Felisbela Lopes, personalidade muito reconhecida dentro e fora do meio académico, profere a conferência de abertura do ano letivo 2022/23, intitulada “O lugar dos especialistas no espaço público (mediático)”. A conferência será encerrada pelo Magnífico Reitor da UC, Amílcar Falcão.

Felisbela Lopes é professora associada com agregação do Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho. É doutorada em Ciências da Comunicação pela mesma universidade e, entre 2009 e 2014, foi Pró-Reitora para a área da Comunicação. Desde o início da sua carreira académica leciona disciplinas ligadas ao jornalismo e espaço público. As suas áreas de investigação são a informação televisiva, com enfoque no serviço público de media; a comunicação e o jornalismo da saúde; e o jornalismo político, incidindo na cobertura mediática da Presidência da República Portuguesa. Foi investigadora principal de dois projetos de investigação financiados pela FCT: “A Doença em Notícia” e “Jornalismo televisivo e cidadania: os desafios da esfera pública na era digital”.

É autora de vários livros, entre os quais se destacam Marcelo, Presidente todos os dias (Porto Editora, 2019); Jornalista: uma profissão ameaçada (Alêtheia, 2015); Vinte Anos de TV Privada em Portugal (Editora Guerra e Paz, 2012); A TV do Real (Minerva, 2008); A TV das Elites (Campo das Letras, 2007).

É comentadora residente da RTP para os temas de comunicação e colunista de vários órgãos de imprensa.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com