Conecte-se connosco

Desporto

Euro2024: Portugal só perdeu no Luxemburgo na estreia do ‘rei’ Eusébio

Publicado

em

FOTO: Redes sociais - Seleção Nacional de Futebol

A seleção portuguesa de futebol venceu 17 dos 19 duelos com o Luxemburgo, sofrendo fora os únicos ‘dissabores’, um empate em dia de estreias de Figo e João Pinto e um desaire no primeiro jogo do ‘rei’ Eusébio.

Em 08 de outubro de 1961, na Cidade do Luxemburgo, a casa da formação do Grão-Ducado, o jogador do Benfica fez o primeiro jogo pela seleção das ‘quinas’, então orientada pelo também goleador Fernando Peyroteo, e até marcou, mas Portugal caiu por 4-2.

No jogo 111 da seleção das ‘quinas’, no apuramento falhado para o Mundial de 1962, o ‘onze’ luso foi ‘destruído’ por Ady Schmidt, que, para espanto geral, colocou a ‘solo’ o resultado em 3-0, com tentos aos 22, 53 e 57 minutos.

Nicholas Hoffmann marcou o outro golo dos anfitriões, aos 84 minutos, na resposta ao primeiro de Eusébio, aos 83, em dia de estreia, com 19 anos. A um minuto do final, Yaúca selou o resultado final.

O jogador do Belenenses tinha sido, cerca de sete meses antes, a grande figura do primeiro duelo de sempre entre Portugal e o Luxemburgo, que acabou com uma goleada por 6-0 da formação das ‘quinas’, ao conseguir um ‘hat-trick’ (54, 62 e 84 minutos).

Além do 2-4 de 1961, o outro embate que Portugal não venceu aconteceu em 12 de outubro de 1991, dia em que, no mesmo local, não conseguiu melhor do que um empate a um golo, num embate em que faturou o também estreante António Nogueira.

Se o desaire ficou para a ‘lenda’ como o jogo em que Eusébio se estreou, a igualdade entrou para a história como o embate – o 298.º de Portugal – em que o também ‘Bola de Ouro’ Figo e João Vieira Pinto cumpriram a primeira internacionalização ‘AA’.

Emílio Peixe, que tinha sido eleito o melhor jogador do Mundial de juniores de 1991, conquistado pela seleção lusa em Lisboa, também fez a estreia, no embate que antecedeu o desaire por 1-0 nos Países Baixos, que tirou Portugal do Euro92.

No que respeita aos outros 17 encontros, o conjunto das ‘quinas’ venceu-os os todos, incluindo os últimos 12 e os restantes sete disputados em solo luxemburguês, onde a seleção lusa se desloca no domingo pela 10.ª vez.

Depois da estreia a perder, Portugal venceu nas duas seguintes deslocações, por 2-1 em 1984, num particular em que Eurico e Diamantino ‘assinariam’ a reviravolta, e por 3-0 em 1989, na casa emprestada de Saarbrücken (RFA), onde o triunfo luso foi ‘escrito’ por um ‘bis’ de Rui Águas e um tento de Rui Barros.

Em 1991, registou-se a igualdade e, depois, disso, a seleção nacional venceu os últimos cinco jogos no Luxemburgo, por 5-0 em 2004, 2-1 em 2012, 2-0 em 2015, 2-0 em 2019 e 3-1 em 2021.

Na penúltima visita à Cidade do Luxemburgo, em 17 de novembro de 2019, Portugal selou o apuramento para a fase final do Euro2020, que só se disputou em 2021, devido à pandemia da codid-19, ao vencer por 2-0.

Bruno Fernandes, aos 39 minutos, e Cristiano Ronaldo, aos 86, apontaram os tentos do conjunto comandado por Fernando Santos, que terminou o Grupo B de apuramento no segundo lugar, com 17 pontos, atrás da Ucrânia (20) e à frente da Sérvia (14).

Em 30 de março de 2021, no último jogo no Luxemburgo, Portugal voltou a estar em desvantagem, culpa de um tento de Gerson Rodrigues, aos 39 minutos, conseguindo dar a volta para 3-1 com golos de Diogo Jota, Cristiano Ronaldo e Palhinha.

No total, a seleção lusa soma 17 vitórias, um empate e uma derrota, com 59 golos marcados e oito sofridos, em 19 jogos, sendo que, fora, o registo é de sete triunfos, uma igualdade e um desaire, em nove encontros, com 22-8 em golos.

O 20.º encontro entre Luxemburgo e Portugal, e 10.º em solo do Grão-Ducado, a contar para a segunda jornada do Grupo J de qualificação para o Europeu de futebol de 2024, realiza-se no domingo, pelas 19:45 (em Lisboa).

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com