Politécnico

ESEC tem as primeiras diplomadas com mestrado em ensino de Língua Gestual Portuguesa a nível nacional

Notícias de Coimbra | 1 ano atrás em 27-01-2023

Duas alunas surdas, Susete Ornelas e Sara Coelho, defenderam a sua tese de mestrado em Ensino da Língua Gestual Portuguesa a 27 de janeiro, tornando-se assim as primeiras diplomadas com Mestrado em Ensino de LGP do país. 

PUBLICIDADE

Susete Ornelas defendeu o seu trabalho intitulado “A Gramática em LGP: análise e materiais didáticos” perante um júri constituído por Neuza Santana (presidente) Amílcar Morais (arguente) e Isabel Correia (orientadora).

A defesa da tese de Sara Coelho foi apresentada no mesmo dia e tem como título “Compreensão de textos narrativos ficcionais gestuais em contexto de 1º CEB”. O trabalho foi apresentado perante um júri constituído por Joana Conde e Sousa (presidente), Pedro Balaus Custódio (arguente) e Isabel Correia (orientadora). Ambas as alunas concluíram a defesa com 19 valores.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

As estudantes concluíram, também na ESEC, a Licenciatura em Língua Gestual Portuguesa e a aluna Susete Ornelas, para além do Mestrado em Ensino de Língua Gestual Portuguesa que agora defendeu, tem também o Mestrado em Educação Especial e o Mestrado em Educação para a Saúde.

PUBLICIDADE

A Escola Superior de Educação de Coimbra tem em funcionamento desde o ano letivo 2020/2021, o Mestrado em Ensino de Língua Gestual Portuguesa (LGP). Apesar de já existirem mestrados em LGP e Educação de Surdos, este mestrado, pela sua estrutura curricular, foi o primeiro a conferir habilitação para a docência de acordo com o Dec. Lei 16/2018 de 7 de março e o Dec. Lei 79/2014, o qual institui o grupo de recrutamento 360 – docente de LGP. 

A estrutura do ciclo de estudos pretende providenciar formação educacional e em didáticas específicas apostando numa forte componente de prática profissional para que os mestrandos contactem com o maior número de realidades de ensino possíveis. Desta forma, os docentes que estejam no sistema, mas não possuam requisitos para ingressar na Profissionalização em Serviço encontram uma resposta neste segundo ciclo.

A ESEC forma profissionais em LGP desde 2005 ao nível licenciatura e promove ainda Cursos Livres de LGP abertos ao público em geral. Além de uma equipa de intérpretes para apoio às atividades letivas dos alunos surdos que frequentam os vários cursos na Escola, a ESEC tem ainda um programa semanal na RTP2, o magazine cultural produzido pela ESECTV que é transmitido sempre com interpretação em LGP e disponibilizado online.

A área da LGP tem vindo a crescer, não apenas no ensino para alunos surdos, mas, também, como oferta de escola para alunos ouvintes de que são exemplo clubes de LGP em várias escolas. O Mestrado em Ensino de LGP pretende igualmente providenciar formação que habilite os formandos para ministrar aulas a ouvintes de faixas etárias diversas incluindo-os em projetos fora e dentro da ESEC.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE