Educação

Escolíadas arrancam dia 17 de abril com 28 escolas de Coimbra, Aveiro e Viseu

Notícias de Coimbra | 9 anos atrás em 30-03-2015

A 26ª edição do concurso Escolíadas-Glicínias Plaza vai arrancar, dia 17 de abril, às 21.30, no Centro de Artes e Espetáculos (CAE) da Figueira da Foz, colocando frente a frente alunos e professores das escolas secundárias de Dom Dinis (Coimbra) e de Arganil e dos agrupamentos de escolas Figueira Mar (Figueira da Foz) e de Cantanhede, que irão mostrar os seus dotes para o teatro, dança, pintura e música e a capacidade de mobilização das suas claques, que serão igualmente alvo de avaliação por parte do júri.

PUBLICIDADE

unnamed

De acordo com a organização do certame, a edição deste ano vai juntar mais de 2.500 alunos e professores de 28 escolas secundárias, provenientes de 19 concelhos (três distritos).

PUBLICIDADE

Os 16 espetáculos do concurso decorrerão em cinco salas, dos distritos de Aveiro, Coimbra e Viseu, e prometem atrair mais de 12 mil espetadores, na sua esmagadora maioria alunos e professores do “secundário” e encarregados de educação.
Segundo Cláudio Pires, presidente da Associação Recreativo-Cultural Escolíadas, “o objetivo principal do certame é o da inclusão da arte na educação, através da educação não formal”.

“O concurso Escolíadas pretende oferecer um espaço de experimentação artística e cultural aos alunos do ensino secundário de escolas da região Centro, oferecendo-lhes acesso às melhores salas de espetáculos da região, disponibilizando todos os meios humanos e materiais da associação e das respetivas salas, proporcionando oportunidades únicas a todos os envolvidos no projeto”.

PUBLICIDADE

Desde o início do ano letivo 2014/2015 que mais de 2.500 alunos, professores e técnicos têm vindo a ensaiar, nas diversas escolas, fora do horário normal de aulas, peças de teatro, coreografias, danças, músicas/canções. As claques de apoio a cada estabelecimento de ensino estão, também elas, empenhadas em mostrar a melhor e não raras vezes inusitada coreografia. Recorde-se que todos os anos as claques costumam surpreender o público e o júri com a inclusão de algo de absolutamente inesperado.
Tal como em anos anteriores, a edição deste ano volta a contar com os apoios formais de delegações regionais da Cultura, Educação, IPDJ, universidades de Coimbra e de Aveiro, autarquias de Coimbra, Viseu, Aveiro, Mealhada, Ílhavo e Figueira da Foz, entre outros organismos públicos e privados.

Sublinhe-se que desde 1997 que as Escolíadas são formalmente consideradas um evento de “Manifeste Interesse Cultural”, o que confere vantagens de mecenato a quem apoia o evento.

Já em 2015, o certame recebeu o certificado de “Iniciativa de Elevado Potencial de Empreendedorismo Social”, no âmbito do Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social em Portugal. Mais de quatro mil iniciativas foram identificadas, mas apenas 134 receberam esta honrosa distinção.

+ Números:

25 edições

202 noites de espetáculo

+ de 33.000 alunos e professores

38 escolas

21 concelhos (distritos de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra e Viseu)

+ de 15.000 média de espetadores/ano

150 referências na comunicação social (média anual) 

 

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE