Escolas

Escola Superior de Enfermagem de Coimbra analisa respostas dos cuidados paliativos

Notícias de Coimbra | 3 meses atrás em 17-01-2024

“A pessoa no centro dos cuidados” é o título da primeira reunião científica de um ciclo de seminários
denominado “Filosofia e Organização dos Cuidados Paliativos”, que se realiza já amanhã (dia 18 de janeiro), com organização da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) e do respetivo Centro Colaborador da Organização Mundial de Saúde (OMS) para a Prática e Investigação em Enfermagem.

PUBLICIDADE

Começa por intervir neste seminário, entre as 10h00 e as 13h00, no Polo A da ESEnfC (Avenida Bissaya
Barreto), Ângela Simões, professora da Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco, que falará sobre “Medicina Narrativa”, conceito relacionado com o poder da comunicação (e do ato de “contar histórias”) no encontro clínico entre pessoa e profissional de saúde.

Segue-se o tema “Estratégias Compassivas e de Dignidade”, a tratar pela também professora Catarina Afonso (Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Santarém). E, depois, o “Apoio no luto”, matéria a desenvolver por Sara Cunha, enfermeira da Equipa Intra-hospitalar de Cuidados Paliativos Adultos do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra.

PUBLICIDADE

publicidade

Já na próxima quinta-feira (25 de janeiro), mas no período da tarde (15h30 – 18h00), decorre o segundo seminário deste ciclo, sobre “O presente e o futuro dos modelos organizacionais em Cuidados Paliativos”.

“Cuidados Paliativos em Rede – Plano Nacional de Cuidados Paliativos” (por Rui Silva, do Serviço de Medicina Interna e Cuidados Paliativos do Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil), “Modelo Organizacional dos Cuidados Paliativos nas ULS” (por Fernanda Vital, do Núcleo de Planeamento e Inovação da Administração Central do Sistema de Saúde), “Trabalho em equipa: desafios futuros” (por Luís Simões, da Unidade de Cuidados Paliativos e do Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar do Baixo Vouga) e “Cuidados Paliativos em domicílio” (por Vitor Rua, da Equipa Comunitária de Suporte em Cuidados Paliativos do Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Mondego) são os títulos das palestras previstas para esse dia.

PUBLICIDADE

De acordo com a comissão organizadora deste ciclo de seminários, liderada pela professora da ESEnfC Andréa Marques, “a integração dos cuidados paliativos na globalidade dos cuidados disponibilizados a pessoas com doenças crónicas e ameaçadoras da vida” é “um problema complexo e desafiador para os profissionais de saúde, pessoas, famílias e decisores políticos, exigindo uma reorganização de várias estruturas, no contexto global e a nível nacional”.

Daí que seja “necessário repensar as respostas na prestação de cuidados de saúde diretos e sociais, bem como no âmbito da formação pré e pós-graduada dos profissionais de saúde, sendo determinante o envolvimento das instituições do ensino superior”»”, lê-se no sítio do ciclo de seminários “Filosofia e Organização dos Cuidados Paliativos” na Internet.

De acordo com a OMS, os cuidados paliativos “são cuidados de saúde holísticos, ativos, que procuram
melhorar a qualidade de vida dos doentes, das suas famílias/cuidadores” e que passam “pela prevenção e
alívio do sofrimento, através da identificação precoce, diagnóstico e tratamento adequado da dor e de outros problemas, sejam estes físicos, psicológicos, sociais ou espirituais”.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE