Portugal

Encerrado lar ilegal sem condições mínimas. Alguns idosos receberam tratamento hospitalar “imediato”

Notícias de Coimbra com Lusa | 1 ano atrás em 07-06-2023

Um lar ilegal em Almada, no distrito de Setúbal, foi encerrado na terça-feira por falta de condições mínimas de salubridade, tendo alguns idosos recebido tratamento hospitalar imediato, anunciou hoje a PSP.

PUBLICIDADE

Em comunicado, o Comando Distrital de Setúbal da Policia de Segurança Pública explica que, através da Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Almada, foi realizada uma operação que durou 12 horas para cumprimento de um mandado de busca a um lar ilegal em Almada.

“Perante a falta de condições mínimas de salubridade e, inclusivamente a verificação do estado de saúde débil de alguns idosos, foi decretado o encerramento administrativo do lar”, adiantou a PSP.

PUBLICIDADE

Alguns dos idosos tiveram necessidade de tratamento hospitalar imediato no Hospital Garcia de Orta, outros foram entregues a familiares e os restantes foram encaminhados para locais de acolhimento da Segurança Social, acrescentou.

Segundo a PSP, foi também recolhida prova imprescindível para o desenvolvimento do processo e a consequente responsabilização penal dos seus autores.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A ação foi concertada com inspetores do Instituto da Segurança Social e teve o acompanhamento da Delegada de Saúde Pública de Almada e de uma médica do Instituto Nacional de Medicina Legal.

Teve ainda o apoio de outras valências policiais, nomeadamente a Esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial e de polícias do Modelo Integrado de Policiamento de Proximidade e da Secção de Polícia Técnica.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE