Conecte-se connosco

Coimbra

Empresa de Coimbra compra lote 13 do parque industrial de Eiras

Publicado

em

O executivo da Câmara Municipal (CM) de Coimbra vai analisar e votar, na sua reunião de segunda-feira, uma proposta de incentivo ao investimento, que passa pela aprovação da venda do lote 13 do parque industrial de Eiras, à empresa de construção civil Carlos Madeira & Filhos Lda., pelo montante de 19.500 euros, proposto pelos serviços municipais.

A proposta, que prevê, ainda, a redução de 60% sobre as taxas urbanísticas que venham a ser aplicadas após o deferimento do projeto, tem por base uma candidatura ao Regulamento de Apoio a Iniciativas Económicas de Interesse Municipal – COIMBRA INVESTE e rege-se pelas normas desse documento.

A Carlos Madeira & Filhos, Lda, que desenvolve a sua atividade na área da construção civil, candidatou-se, ao abrigo do COIMBRA INVESTE, à aquisição do lote 13 do parque industrial de Eiras, propriedade da autarquia, por necessitar de deslocalizar a sua sede para esse local, já que se encontram atualmente instalados em regime de arrendamento, em diversos armazéns, e sem as condições necessárias à atividade.

A edilidade afirma que o projeto da empresa passa por instalar a sua sede no lote 13 do referido parque industrial, de forma a melhorar as condições de trabalho dos seus colaboradores, centralizar o apoio administrativo e a área de apoio à produção e criar espaços onde possam ser desenvolvidas atividades de formação contínua para os seus colaboradores. O objetivo passa, assim, pela profissionalização da equipa e da empresa e consequente satisfação dos seus clientes.

Segundo a autarquia, a Carlos Madeira & Filhos, Lda é uma empresa familiar, criada em 1996 na cidade de Coimbra, que ao longo dos anos tem apostado no crescimento sustentado, tendo mesmo sobrevivido à crise que nos últimos anos afetou a área da construção civil.

A empresa emprega 11 trabalhadores e pretende contratar mais dois.

Contabilizando este apoio, o COIMBRA INVESTE já incentivou oito empresas, num apoio global superior a 460 mil euros e totaliza cerca de 150 novos postos de trabalho a criar no concelho pelas empresas apoiadas, que empregam mais de quatro centenas de pessoas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com