Conecte-se connosco

Coimbra

Em Dia de Portugal, celebre com Lágrimas de Portugal

Publicado

em

A marca continua a desenvolver o trabalho de implementação de mercado, não deixando que a pandemia afete a saúde D’o Rei ou D’a Rainha.

 É em Coimbra, a mítica e poética cidade dos laranjais, onde outrora se fizeram fabulosos licores de tangerina e laranja, e onde os mosteiros desenvolveram doces e destilados aromáticos com poderes curativos, entre outros, que se produzem os licores da marca portuguesa LÁGRIMA DO MONDEGO®.

Acompanhando a História da cidade de Coimbra e de Portugal desde o séc. XII, utilizando receituário centenário, a marca LÁGRIMA DO MONDEGO® apresenta duas bebidas em conceito duplo – um licor aperitivo D’o Rei e um licor digestivo D’a Rainha – autênticas LÁGRIMAS DE PORTUGAL® que prestam homenagem a pares românticos célebres da História portuguesa como a Estrela e Diego, a Pedro e Inês, a Isabel e Diniz, Ataces e Cindazunda.

LÁGRIMA DO MONDEGO® D’a Rainha, com 20% vol., reutiliza o receituário e o método ancestral/conventual da região, não sofrendo adição de químicos na sua composição. É uma harmoniosa combinação de sabores e aromas aliados à laranja, especiarias e flores, maturadas em aguardente vínica por tempo alongado. É límpido e âmbar claro, apresentando toques dos óleos das laranjas, base de sua produção. Pelo sabor suave é ideal para consumo como digestivo. Puro, frio, com gelo, ou como base para excelentes misturas. Misturas simples e frescas para qualquer época do ano. Com cerveja preta e maracujá, é feito um cocktail único – Fado.

LÁGRIMA DO MONDEGO® D’o Rei, com 22% vol., reutiliza também o receituário e o método ancestral/conventual da região, não sofrendo adição de químicos na sua composição e busca um posicionamento moderno e contemporâneo, com uma harmoniosa combinação de sabores, plantas e especiarias, aliadas ao aroma de quatro frutas, também com maturação alongada em aguardente vínica. Como aperitivo deve beber-se com gelo e água gaseificada ou água tónica. A junção de hortelã ou limão pode ser uma base de cocktail com vodka ou cachaça.

Saiba + aqui 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com