Conecte-se connosco

Desporto

Eleições para a Academia de Coimbra começam com uma hora de atraso

Publicado

em

As eleições para os órgãos da Associação Académica de Coimbra (AAC), que decorrem entre hoje e terça-feira, começaram com um atraso de uma hora.

Rui Brandão, presidente da comissão eleitoral, afirmou à agência Lusa que houve “um ligeiro atraso no dia de abertura”, relembrando que tal situação é recorrente, não se observando, “até ao momento, nenhum incidente”.

As 24 urnas abriram “por volta das 10:00”, no primeiro dia das eleições para a AAC, às quais se candidatam quatro listas à direção-geral.

Os quatro candidatos à AAC são o doutorando da Faculdade de Economia Samuel Vilela (lista A, Mais Academia), a estudante de Biologia Carolina Rocha (lista E, Exalta a Academia), a aluna de Sociologia Alexandra Correia (lista R, Reset à AAC) e o estudante de Direito Bruno Matias (lista T, Tu Tens Académica).

O universo eleitoral tem cerca de 23 mil votantes e, caso nenhuma das listas candidatas à direção-geral e mesa da assembleia magna consiga uma maioria absoluta, haverá lugar a uma segunda volta.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link