Conecte-se connosco

Região

“É só juntar cabrito!” A Lousã oferece os temperos (com vídeos)

Publicado

em

Vêm aí dois Fins de Semana Gastronómicos do Cabrito. De 9 de abril a 01 de maio e de 06 a 08 de maio, 13 restaurantes da Lousã apresentam nas suas ementas várias formas de cozinhar esta iguaria. Além de poderem saborear o cabrito, os comensais levam para casa um kit com os temperos e a receita deste que é um dos pratos icónicos da gastronomia lousanense. 

Faz-se uma massa com bastante alho esmagado, sal, azeite, colorau, louro, alecrim e piripiri. É assim que se começa a preparar a receita do cabrito e são estes os ingredientes que a Câmara Municipal da Lousã colocou num kit que vai ser entregue aos comensais do evento. 

Com esta massa, tempera-se o cabrito previamente cortado aos bocados, cobre-se com vinho branco e coloca-se num tabuleiro de ir ao forno e fica a marinar. No dia seguinte vai ao forno com as batatinhas, cerca de 3 horas. Inicialmente, o forno tem de estar bem quente e quarenta a sessenta minutos antes de retirar do forno, colocam-se as castanhas para que não se desfaçam. Se puder ser em forno de lenha, tanto melhor. 

“Aquilo que pretendemos é que venham à Lousã experienciar as várias formas de confecionar cabrito sempre com grande qualidade e depois dessa experiência se entusiasmem e que em suas casas possam confecionar o cabrito e perpetuar esta tradição gastronómica do nosso país e em particular aqui da Lousã”, disse ao Notícias de Coimbra Luís Antunes, presidente da Câmara Municipal da Lousã, no final da sessão de apresentação da iniciativa que decorreu hoje no Hotel Palácio da Lousã.

“Toda a envolvência da montanha vai fazer com que seja uma experiência única”, assegura o chef Flávio Silva, embaixador do evento, convidando a uma caminhada ou a um passeio pelas aldeias do xisto. “A tradição e o respeito às origens estão muito presentes no nosso território”, adianta, para explicar o que diferencia o cabrito à moda da Lousã.

Cabrito no forno com arroz de miúdos, cabrito grelhado com arroz selvagem, cabrito assado com batatas e grelos, são algumas das versões disponíveis nos restaurantes aderentes*. À mesa também não faltam outros produtos da região e para sobremesa há, por exemplo, mousse de Licor Beirão ou Pudim de Mel DOP Serra da Lousã.

 

*Os 13 restaurantes aderentes são:

  • O Burgo
  • Casa Velha
  • Ti Lena
  • Sabores da Aldeia
  • À Terra – Palácio da Lousã Boutique Hotel
  • Villa Lausana – Restaurante e Lounge bar
  • Churrasqueira Borges
  • Mimosa da Beira
  • Cervejaria Universal
  • Adega da Villa
  • Alto Padrão
  • Manjar da Villa
  • Manuel da Póvoa

Veja o direto NDC com Luís Antunes:

 

 

Veja o direto NDC com o chef Flávio Silva:

 

 

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link