Conecte-se connosco

Coimbra

Dolce Vita Coimbra garante que insolvência não afecta funcionamento do Shopping

Publicado

em

O Dolce Vita confirmou a NDC que “no âmbito do processo de reestruturação em curso, o Grupo Chamartín apresentou a processo de insolvência alguns dos seus ativos, nomeadamente o Centro Comercial Dolce Vita Coimbra”.

“Trata-se de uma operação enquadrada no processo de reestruturação do grupo, que não interfere de nenhuma forma no desenvolvimento e gestão diária do Centro Comercial nem na relação com todos os parceiros envolvidos (operadores, fornecedores, etc.). Está assegurada a operação normal dos ativos” garantem.

Segundo Jornal de Negócios “O falido centro comercial Dolce Vita Coimbra foi posto à venda por 58,6 milhões de euros, menos quase 20 milhões do que o total de créditos reconhecidos no processo de insolvência apresentado pela espanhola Charmartín, que tem em curso a liquidação judicial de quase todos os seus activos em Portugal”.

O Negócios acrescenta que “Cerca de 77,4 milhões dos 77,8 milhões de euros de créditos reconhecidos pertencem à LSREF3 Octopus Investments, sociedade que pertence à “private equity” norte-americana Lone Star, a mesma que adquiriu recentemente a empresa responsável pelo desenvolvimento do “resort” de Vilamoura”.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link