Conecte-se connosco

Desporto

“Dei-te duas, ainda falta uma”

Publicado

em

 O guarda-redes de hóquei em patins do Sporting Ângelo Girão foi hoje suspenso por cinco jogos pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Patinagem (FPP), por ter agredido o jogador do Benfica Lucas Ordoñez.

Segundo o acórdão do CD da FPP, a que a Lusa teve acesso, Ângelo Girão foi castigado com cinco jogos de suspensão pelos incidentes ocorridos em 29 de janeiro último, antes de um dérbi lisboeta, no Pavilhão João Rocha.

O guarda-redes ‘leonino’ deixou o rinque e dirigiu-se ao balneário do Benfica, enquanto a equipa ‘encarnada’ iniciava o período de aquecimento, e “agrediu Lucas Ordoñez na zona do pescoço e dos antebraços por intermédio do stick de que se fazia acompanhar”, lê-se no documento.

Ainda de acordo com o acórdão, enquanto agredia e insultava Ordoñez, Girão proferia expressões ameaçadoras: “Isto não é a Argentina” e “dei-te duas, ainda falta uma”.

No dia seguinte ao jogo, referente à 15.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins, que o Benfica venceu por 3-1, os ‘encarnados’ anunciaram a apresentação de uma queixa-crime contra o guarda-redes e capitão da equipa do Sporting, por este motivo.

Na ocasião, o emblema das ‘águias’ explicou que, no final da partida, a Polícia de Segurança Pública (PSP) identificou Ângelo Girão, Lucas Ordoñez e um terceiro elemento da equipa técnica do Benfica “como testemunha do sucedido”.

Após 23 jornadas, o Benfica lidera o campeonato, com 60 pontos, mais cinco do que o Sporting.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com