Conecte-se connosco

CHUC

Covid-19: Há falta de médicos e enfermeiros especializados em cuidados intensivos nos CHUC

Publicado

em

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra tem “falta de médicos intensivistas” para tratar doentes com covid-19 com necessidade de cuidados intensivos disse hoje o diretor clínico, que revelou que o centro se aproxima muito rapidamente da capacidade máxima do polo do Hospital Geral (Covões) dedicado à doença provocada pelo novo coronavirus.

Nuno Deveza falou há minutos aos jornalistas numa conferência de Imprensa digital e revelou que, há 49 camas de cuidados intensivos para covid-19 estando ocupadas 18. Disse que está preparado “mais um sector no Hospital Geral”, para além das 15 no polo HUC.

O médico afirmou que o CHUC está a “ir buscar camas” e recursos a outros serviços, admitindo que este agravamento da pandemia em Coimbra vai prejudicar a assistência a pessoas com outras patologias.

Notícia em atualização.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade