Conecte-se connosco

Coimbra

Conheça dia a dia o programa das Festas da Cidade de Coimbra

Publicado

em

Nove espetáculos musicais, três sessões de fogo de artifício, duas procissões religiosas e muito mais, as Festas da Cidade de Coimbra e da Rainha Santa Isabel 2022 arrancam amanhã e decorrem até 10 de julho. Do programa fazem parte inúmeros eventos, como a Feira Popular, na Praça da Canção, ou a do Livro, pela primeira vez na Praça do Comércio e num modelo completamente novo. Saiba tudo!

O dia 1 da festa coincide com o primeiro dia do mês de julho e fica marcado pela inauguração da iluminação festiva, que vai dar luz à cidade de segunda a sexta-feira, entre as 20:00 e as 02:00, e aos sábados e domingos, entre as 20:00 e as 04:00.  É também o dia de estreia do palco, instalado no Jardim da Sereia, que vai receber concertos gratuitos de artistas nacionais e internacionais. Os espetáculos estão todos agendados para as 21:30 e o primeiro é da cantora Aurea.

Ainda no primeiro dia, a Feira do Livro de Coimbra, que vai funcionar entre as 11:00 e as 22:00, abre portas. Destaque para a sessão “Livros e músicas da minha vida”, com Diogo Piçarra, às 19:00. Animada vai estar também a Feira Popular, que se prolonga até 17 de julho, com um horário de funcionamento entre as 20:00 e as 02:00.

O programa religioso tem início com a Pregação do Tríduo Preparatório da Solenidade, pelo arcebispo de Évora, na Igreja do Convento de Santa Clara-a-Nova, às 21:30, no dia seguinte acontece à mesma hora e no domingo, às 11:00. 

No sábado, dia 2, o palco da Sereia está por conta de Jorge Palma e Orquestra, a partir das 21:30. Às 17:30, está marcado Encontro com José Milhazes: “A Europa Hoje” com moderação de Bruno Paixão, na Feira do Livro. À mesma hora há concerto pelas Bandas Filarmónicas de Santana e Lares, no Mosteiro de Santa Clara-a-Nova. 

O primeiro espetáculo piromusical no rio Mondego está marcado para as 24:00 de domingo, dia 3. O cartaz musical do terceiro dia das Festas da Cidade conta com a atuação da banda Time to Tramp – Tributo aos Supertramp, às 21:30, no Jardim da Sereia. Ainda antes há  Ópera “Os Contos de Hoffmann”, de Jacques Offenbach, pelo Conservatório de Música de Coimbra , às 18:00, no Grande Auditório do Convento São Francisco. Também às 18:00, decorre o Recital de Missa Cantada do Coro de Santo Agostinho acompanhado pelo Grupo de Câmara da Banda Filarmónica de Vila Nova de Anços.   

Durante o fim de semana, de 2 e 3 de julho, decorrem diversos eventos desportivos como o Campeonato Mundial de Enduro, em Souselas, os Campeonatos Interdistritais Infantis de Natação, no Centro Olímpico de Piscinas Municipais e a Liga Ibérica Kayak Polo, no Parque Verde Mondego.

No feriado, 4 de julho, tem lugar a Sessão Solene Comemorativa do Dia da Cidade, às 15:00, este ano na Praça do Comércio, junto à Feira do Livro que, às 17:30, recebe um concerto de Sérgio Godinho com Filipe Raposo e às 19:00, uma performance poética de Pedro Lamares com Filipa Leal. Ainda antes, às 11:00, há missa solene, e às 16:30 decorre a Missa da Real Ordem de Santa Isabel, ambas na Igreja do Convento de Santa Clara-a-Nova. A partir das 21:30, o palco da Sereia recebe o espetáculo “A Guitarra de Bruno Costa com Cuca Roseta, Vitorino e André Sardet”. 

Na terça-feira, 5 de julho, às 21:30, o palco é da brasileira Mallu Magalhães. No dia seguinte, 6 de julho, à mesma hora, atua Samuel Úria. 

Na quinta-feira, dia 7, decorre um dos momentos mais aguardados das Festas da Cidade: a Procissão da Penitência, com a saída da imagem da Rainha Santa Isabel da Igreja do Convento de Santa Clara-a-Nova para a Igreja do Mosteiro de Santa Cruz, após a missa solene prevista para as 18:00. Às 22:00, no âmbito da Procissão, é feita a saudação de boas-vindas e cântico, na Portagem, seguindo-se o espetáculo de fogo de artifício que simboliza um bouquet de rosas em homenagem à Rainha Santa Isabel, também na Portagem. 

Neste dia, destaque ainda para a entrega do Grande Prémio de Literatura Biográfica Miguel Torga APE/CMC a Mário de Carvalho, pela obra “De maneira que é claro…”, às 19:00, na Feira do Livro. 

Durante todo o dia de sexta-feira, 8 de julho, entre as 08:00 e as 20:00, a imagem da Rainha Santa Isabel estará em exposição na Igreja de Santa Cruz, havendo missas às 09:00, às 10:00 e às 17:30. A noite é por conta de Miguel Araújo que dá um concerto na Sereia, a partir das 21:30, mas ainda antes, às 19:00, a Feira do Livro apresenta a performance “A grande mentira” (uma viagem aos grandes mitos e enganos da nossa História), por Hugo van der Ding (Antena 3).

No sábado, dia 9 de julho, a cidade assiste ao último espetáculo piromusical das festas, sobre o Rio Mondego, às 24:00, depois da atuação de Carolina Deslandesàs 21:30, na Sereia. Durante todo o dia, das 08:00 às 20:00, a imagem da Rainha Santa vai manter-se em exposição na Igreja de Santa Cruz, com missas às 09:0010:00 17:00. Entre as 09:00 e as 19:00 decorre ainda a Feira de Artesanato Urbano, na Avenida Central (junto à Loja do Cidadão) e às 17h30 a Feira do Livro promove o  Encontro com Laborinho Lúcio: “As Sombras de uma Azinheira”, com apresentação de Cristina Robalo Cordeiro.

As Festas da Cidade terminam a 10 de julho, com a procissão solene de regressoàs 16:00, após a missa presidida pelo Bispo de Coimbra. A imagem vai estar em exposição até à hora da cerimónia. A chegada à Igreja do Mosteiro de Santa Clara-a-Nova está prevista para as 20:30, com uma breve alocução por D. Virgílio Antunes e bênção com o Santo Lenho. 

O espetáculo “Amigo Zeca” com Cristina Branco e Salvador Sobral fecha o cartaz musical, às 21:30, no Jardim da Sereia. Deste último dia dos festejos, destaque ainda para o concerto “Os Poetas”, por Rodrigo Leão, Gabriel Gomes e Miguel Borges, às 19:00, na Feira do Livro e para o Concerto para Bebés Vamos à Praia Solistas Musicalmente, no Grande Auditório do Convento São Francisco, das 10:00 às 11:30. 

As Festas da Cidade de Coimbra e da Rainha Santa Isabel são uma organização da Câmara Municipal de Coimbra, sendo a Confraria da Rainha Santa Isabel responsável pela realização da componente religiosa do programa, que, em 2022, ficará definitivamente marcada  pelo regresso das duas imponentes procissões em honra da padroeira da cidade. Depois de terem estado suspensas nas últimas edições devido aos constrangimentos causados pela pandemia da Covid-19, são esperadas milhares de pessoas nas celebrações. 

Veja aqui o programa completo.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link