Conecte-se connosco

Coimbra

Conferência internacional JNation atrai mundo tecnológico a Coimbra (com vídeos)

Publicado

em

Programadores e empresas de software de todo o mundo reuniram-se em Coimbra esta terça-feira para a conferência internacional  JNation, que mostra a vanguarda das tendências tecnológicas nas linguagens de programação Java, JavaScript, “Cloud Computing”, inteligência artificial e segurança. Com quase um milhar de participantes, o evento, que regressou este ano ao formato presencial, “tomou conta” do Convento São Francisco. 

Após os desafios dos dois últimos anos de pandemia, em formato virtual, Coimbra voltou a ser a cidade anfitriã desta conferência tecnológica que tem como objetivo proporcionar aos programadores e empresas participantes o acesso aos últimos desenvolvimentos e tendências para o futuro destas importantes áreas da engenharia de software.

A ideia nasceu em 2018 em Coimbra pela mão de Roberto Cortez. “Começámos com uma coisa mais pequena, encontros tecnológicos, no Departamento de engenharia Informática, com 50-60 pessoas e fomos crescendo”, contou ao Notícias de Coimbra. 

Mas afinal o que é esta linguagem Java? “Numa linguagem simples? Podemos dizer que toda a gente já ouviu falar do Android dos Smartphones, o Android é feito em Java”, descreve o fundador do evento. “Contatamos diariamente com o resultado daquilo que a tecnologia Java pode criar, como o Multibanco ou o jogo Minecraft, mas está sempre em evolução”, afirmou ao NDC Rui Nuno Castro, da Alpha Coimbra, associação dedicada ao fomento do empreendedorismo e da inovação. 

A conferência este ano contou com cinco salas com várias sessões técnicas, a presença de patrocinadores que apresentaram as suas novidades e fizeram network. As novidades incluíram uma série de sessões dedicadas em exclusivo a Quarkus – uma tecnologia de desenvolvimento de aplicações Java. Um total de seis sessões ao longo do dia conduzidas por dois oradores cada, dos próprios criadores da tecnologia, decorreram na sala Afonso Henriques (Antiga Igreja do Convento de São Francisco) e são parte integrante da “Quarkus World Tour 2022”, que em este ano tem lugar, além de Portugal, em Espanha, na Polónia, Noruega e Estados Unidos. 

“Vêm pessoas de propósito de diferentes pontos do mundo para assistir a esta conferência, mas é muito mais relevante o impacto que tem ao nível do posicionamento de Coimbra, este evento coloca Coimbra no mapa internacional desta tecnologia”, acrescenta Rui Nuno Castro, falando da presença de “colossos mundiais e de colossos de Coimbra” nesta área. “Coimbra passa a ser reconhecida como polo gerador de inovação”, defende. 

Pelas mãos de uma equipa de oito pessoas, mais de 20 voluntários, 18 patrocinadores e o apoio de vários parceiros, a JNation contou com a presença de 40 oradores nacionais e internacionais, com nomes oriundos de empresas como a Google, Oracle, IBM, Red Hat, entre outros.

Mas, seguindo o exemplo da tecnologia, o JNation vai evoluir e nas próximas edições terá uma parte dedicada às crianças e poderá estender-se ao longo de dois dias, conforme adiantou Roberto Cortez ao NDC. 

Veja a entrevista NDC com Roberto Cortez:

 

Veja a entrevista com Rui Nuno Castro:

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com