Conecte-se connosco

Coimbra

Condutor apanha 12 multas de uma só vez em Coimbra (com vídeo)

Publicado

em

No âmbito da Operação Páscoa 2022, a GNR realizou esta quinta-feira uma ação de fiscalização junto às portagens de Coimbra Norte. Um dos condutores abordados viu os militares passarem-lhe 12 multas. 

Desde dia 11 de abril e até à próxima segunda-feira, a GNR está a intensificar as operações de patrulhamento e ações de sensibilização e fiscalização, devido às festividades. O Notícias de Coimbra acompanhou, esta quinta-feira, o Destacamento de Trânsito da GNR de Coimbra numa dessas ações. Um dos motoristas parados pelos militares, de nacionalidade espanhola, viu serem-lhe instaurados 12 autos de contraordenação de uma só vez.

O homem, condutor profissional, seguia ao volante de um camião de matrícula espanhola. Durante a fiscalização, os militares perceberam que tinha várias irregularidades, a maioria relacionadas com o mau uso do tacógrafo ou o desrespeito dos tempos de respeito, mas também por falta de documentação. Ao todo, o camionista foi autuado 12 vezes.

A situação, disse ao Notícias de Coimbra a capitão Lígia dos Santos, comandante do Destacamento de Trânsito da GNR de Coimbra, não é assim tão incomum como se possa pensar, sobretudo quando a fiscalização é feita a veículos pesados. 

Na mesma operação, foi multado um outro camionista, Manuel Nunes, também por causa dos tempos de descanso. “Foram umas amêndoas muito amargas”, disse em entrevista ao NDC, referindo-se à multa de 600 euros que lhe foi passada. “Fui multado. Não sabia o erro que lá tinha”, comentou, referindo-se a uma irregularidade nos tempos de descanso obrigatórios por lei.

A Operação Páscoa da GNR decorre em todo o território nacional “com o objetivo de combater a criminalidade, a sinistralidade rodoviária, regularizar o trânsito e apoiar todos os cidadãos, proporcionando-lhes as festividades da Páscoa e as respectivas deslocações em segurança”, sublinhou a capitão Lígia dos Santos, destacando o aumento do tráfego rodoviário nas estradas, comparativamente com os dois últimos anos em que “devido à pandemia havia limitações à circulação”. 

A ação, adiantou ainda a comandante, ultrapassa a fiscalização rodoviária e foca-se “na segurança e na proteção das pessoas, nos locais onde há habitualmente mais festividades, suas imediações, zonas residenciais e comerciais”.

“Aproveito para aconselhar uma condução atenta e adequada às condições meteorológicas, ao estado da via e ao volume de tráfego rodoviário, bem como a evitar manobras que possam ser perigosas”, alertou ainda Lígia dos Santos, em declarações ao NDC. 

 

Veja o direto NDC com a capitão Lígia dos Santos:

 

Mais vídeos no Facebook NDC

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com