Conecte-se connosco

Destaque

Comissão Europeia vai apoiar investimento da educação nas competências digitais

Publicado

em

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciou hoje que Bruxelas vai apoiar a comunidade escolar da União Europeia (UE) a aumentar as competências digitais, em linha com Plano de Ação para a Educação Digital 2021-2027.

“A Comissão Europeia vai apoiar professores e alunos a aumentar competências a nível digital”, disse a líder do executivo europeu, numa mensagem com que hoje abriu a III Cimeira Europeia da Educação, em formato de videoconferência.

Ursula von der Leyen salientou também que a pandemia da covid-19 obrigou professores a alunos a adotarem formatos digitais, saudando os primeiros que “com o seu esforço, conseguiram manter alguma normalidade no ensino”.

“É admirável como professores, alunos e escolas cooperaram nestes tempos de coronavírus, é a resiliência no seu melhor e um exemplo a seguir”, destacou ainda.

A aposta no digital é uma prioridade de Bruxelas, acrescentou ainda, salientando ainda assim que o ensino à distância não substitui o contacto pessoal.

“As teconologias digitais são fundamentais para o futuro, mas não são o futuro”, lembrou Von der Leyen.

O Plano de Ação para a Educação Digital (2021-2027) define a visão da Comissão Europeia para uma educação digital de elevada qualidade, inclusiva e acessível na Europa, nomeadamente com o reforço das competências e aptidões digitais.

A cimeira, em que participam os ministros da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, visa debater a importância da transformação digital dos sistemas educativos europeus para o contexto pós covid-19.

Segundo Bruxelas, a pandemia da covid-19 está a provocar uma transição sem precedentes para a aprendizagem em linha e para a utilização das tecnologias digitais, sendo que muitos agregados domésticos de baixos rendimentos não têm acesso a computadores, e o acesso a Internet de banda larga varia muito em toda a UE em função do rendimento das famílias.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link