Conecte-se connosco

Coimbra

Coimbra subiu para risco Muito Elevado de transmissão da covid-19 antes do Natal. Dados divulgados hoje

Publicado

em

Condeixa e Coimbra sobem novamente para Risco Muito Elevado de transmissão da covid-19 (a laranja no mapa) e juntam-se à Mealhada, Miranda, Oliveira do Hospital e Penacova, os concelhos com restrições mais apertadas. Mortágua continua a ser o único concelho da Região de Coimbra com Risco Extremamente Elevado (vermelho), segundo os dados divulgados hoje pela DGS referentes a 20 de dezembro e que não refletem ainda os números dos dias de Natal, em que restrições foram levantadas em todo o país.

Dados referentes ao período de 07 a 20 de dezembro, divulgados hoje, 28 de dezembro de 2020, pela DGS. (Não inclui dados do período de Natal.)

Tábua, Pampilhosa da Serra voltaram a integrar o risco Elevado (amarelo), onde se mantêm  Cantanhede, Figueira da Foz, Lousã, Mira, Montemor-o-Velho, Penela e Soure. Este municípios registam um índice de mais de 480 novos casos por cada 100.000 habitantes nos 14 dias entre os dias 07 e 20 de Dezembro.

Arganil, Góis e Vila Nova de Poiares continuavam nestas datas com índices de transmissibilidade de risco moderado. Porém, Vila Nova de Poiares ativou hoje o plano municipal de emergência, devido a um aumento de casos de 4 para 80 nos últimos dias reportado pela Câmara Municipal, o que não se reflete ainda nestes dados divulgados hoje pela DGS no Boletim Epidemiológico.

Continuam em vigor as medidas decretadas para o período de Ano Novo, até ao dia 3 de janeiro de 2021.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link