Conecte-se connosco

Coimbra

Coimbra sem autoescada para combater incêndios urbanos (com video)

Publicado

em

Coimbra está sem autoescada para combate a incêndios urbanos e está a recorrer aos bombeiros de outros concelhos para fogos em prédios confirmou hoje o Notícias de Coimbra junto da Câmara Municipal. Falta financiamento para a aquisição de uma nova autoescada cujo preço rondará os 700 mil euros, revela a autarquia que gere a Companhia Municipal de Bombeiros Sapadores de Coimbra.

Para além da dificuldade no acesso à janela de um apartamento em chamas ontem de manhã devido às floreiras de betão inamovíveis colocadas no passeio, as coorporações de bombeiros de Coimbra tiveram de ser auxiliadas por uma unidade de fora da capital de distrito. A autoescada veio dos Bombeiros Voluntários de Condeixa.

Segundo apurou o NDC no local a autoescada dos Bombeiros Sapadores de Coimbra está avariada. Encontra-se em “reparação planeada” do motor desde 8 de agosto repondeu o gabinete de Imprensa da autarquia.

Segundo a mesma fonte, a viatura de combate a incêndios urbanos estará três semanas fora de serviço. “A viatura estava operacional, porém a cabeça do motor da viatura estava queimada, necessitando de reparação, sendo esta data para reparação planeada, considerando tratar-se de um período em que historicamente ocorrem menos incêndios urbanos”.

A edilidade afirma ter “dado conhecimento ao Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra, que colocou em prontidão quatro autoescadas de Corpos de Bombeiros (Bombeiros Voluntários de Condeixa, Bombeiros Voluntários de Soure, Bombeiros Voluntários de Montemor e Bombeiros Voluntários Cantanhede)”.

Maria da Graça Polaco, Notícias de Coimbra

Veja aqui o momento da colocação da escada de Condeixa no video do direto Notícias de Coimbra no incêndio desta quinta feira.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade