Conecte-se connosco

Lazer

 Coimbra recebe doação do artista plástico António Melo

Publicado

em

A Câmara Municipal (CM) de Coimbra vai analisar e votar, na sua reunião da próxima segunda-feira, uma proposta de doação de uma obra do artista plástico António Melo. No valor de 300 euros, a obra integrou a exposição que esteve patente no Museu Municipal – Edifício Chiado, de novembro de 2021 a janeiro de 2022, sob a temática “As façanhas inconcebíveis de Júlio, o equilibrista desobediente”.

O artista plástico António Melo manifestou a intenção de oferecer ao Município de Coimbra uma obra da sua autoria, em agradecimento pelo acolhimento da sua exposição “As façanhas inconcebíveis de Júlio, o equilibrista desobediente”. A mostra esteve patente no Museu Municipal – Edifício Chiado, de novembro de 2021 a janeiro de 2022.

A obra da sua autoria, concebida segundo a temática “Júlio, o equilibrista desobediente”, tem um valor de 300 euros.

António Manuel de Melo Fernandes nasceu em Arganil, em 1964. Concluiu o Curso de Artes Plásticas e Pintura da Escola Superior de Belas Artes do Porto Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto em 1987 e o Mestrado e Doutoramento em História da Arte, na Universidade Lusíada de Lisboa. Foi professor de pintura e desenho na Escola Universitária das Artes de Coimbra, até setembro de 2014. Atualmente, reside em Coimbra e trabalha como artista plástico.

Trata-se de um artista plástico, representado em diversas coleções de arte contemporânea como a Fundação PLMJ, Fundação Ilídio Pinho, Coleção Norlinda e José Lima e em coleções particulares em Madrid, Paris e Los Angeles.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade