Primeira Página

Coimbra: Palhaços d’Opital entre os vencedores dos Prémios Humanizar a Saúde

Notícias de Coimbra | 3 meses atrás em 08-12-2023

A Palhaços d’Opital, com sede em Coimbra, é um dos cinco vencedores da 3.ª edição dos Prémios Humanizar a Saúde 2023 da Teva, com o projeto “Palhaços d’Opital”, criado para levar o trabalho e a missão dos Doutores Palhaços a adultos e com foco nos idosos, em ambiente hospitalar, pretendendo valorizar e dignificar a pessoa mais velha.

PUBLICIDADE

A equipa é composta por artistas profissionais com experiência performativa e com formação específica na área do palhaço em ambiente hospitalar para realizar sempre o melhor trabalho artístico possível, realizando visitas semanais e regulares a oito hospitais parceiros: Unidade Local de Saúde de Matosinhos, IPO Coimbra, Centro Hospitalar Tondela Viseu, Hospital Distrital da Figueira da Foz, Centro Hospitalar do Baixo Vouga e Centro Hospitalar Universitário de São João.

PUBLICIDADE

Os Prémios Humanizar a Saúde são uma iniciativa da empresa farmacêutica líder mundial em genéricos, Teva, criada com o objetivo de reconhecer o trabalho de entidades, instituições ou associações que desenvolvem projetos solidários que ajudam os doentes a lidar com a doença da melhor forma possível, criando um ambiente de maior proximidade, mais humano e afetivo.

PUBLICIDADE

publicidade

Marta Gonzalez Casal, Diretora Geral da Teva Portugal, explica que “com estes prémios queremos continuar a reconhecer o imenso trabalho realizado por profissionais de saúde, cuidadores e instituições que contribuem diariamente para a humanização dos cuidados de saúde e que promovem a qualidade de vida das pessoas que sofrem de uma doença. O nosso compromisso, além de produzir medicamentos, é dar visibilidade a iniciativas que nos inspiram com as suas ideias, esforço e dedicação. Estes prémios têm-nos permitido descobrir soluções absolutamente inovadoras e impactantes que nos emocionam todos os anos pelo seu espírito de altruísmo.”

Para além do projeto “Palhaços d’Opital”, foram também distinguidas, com um prémio de cinco mil euros cada, as seguintes iniciativas: “Programa de visitas de palhaços a hospitais com serviços oncológicos pediátricos”, da Operação Nariz Vermelho – Associação de Apoio à Criança; “Sol de Afectos”, da SOL – Associação de Apoio às Crianças Infetadas pelo VIH/SIDA; “Projeto Casulo”, da Associação Calioásis – Centro de bem-estar para crianças, jovens e suas famílias afetados pelo cancro; e “Unidade Móvel – Saúde de Proximidade”, da Liga dos Amigos do Centro de Saúde de Alfândega da Fé.

PUBLICIDADE

A entrega dos Prémios Humanizar a Saúde decorreu no passado dia 28 de novembro, numa cerimónia no Centro Cultural de Belém, que contou com as presenças de António Marques Pinto, presidente da Associação dos Jovens Médicos de Portugal, Ana Jorge, Provedora da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Ema Paulino, Presidente da Associação Nacional das Farmácias, Jorge Espírito Santo, em representação do bastonário da Ordem dos Médicos, José Vieira Gavino, presidente da Mesa da Assembleia Geral da Ordem dos Farmacêuticos e Maria do Rosário Zincke dos Reis, Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Plataforma Saúde em Diálogo.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com