Conecte-se connosco

Desporto

Coimbra: Judocas portugueses conquistam 4 de medalhas na Taça da Europa de Cadetes

Publicado

em

Portugal conquistou 4 Medalhas (2 de Prata por intermédio de Gonçalo Lourenço e Beatriz Carinhas e 2 de Bronze, por Matilde Gonçalves e Henrique Ferreira), no primeiro dia da Taça da Europa de Cadetes – Coimbra 2022 que se cumpriu este sábado, 28 de maio, no Pavilhão Desportivo do Colégio da Imaculada Conceição, em Cernache (Coimbra). A prova que marca o regresso do Circuito Europeu de Cadetes a Coimbra, atrai alguns dos Melhores Cadetes do Mundo, num total de 299 Atletas (113 Femininas e 186 Masculinos), em representação de 23 Países.

O dia inaugural da competição foi dedicado às categorias -40 kg, –44 kg, –48 kg e -52 kg femininas e –50 kg, –55 kg, –60 kg e –66 kg masculinas. Portugal contou com 38 Judocas (6 Femininas e 32 Masculinos) nos tatamis conimbricenses.

Gonçalo Lourenço (-66 kg) estreou-se na segunda ronda onde encontrou e superou o ucraniano Volodymyr Yatsko, pontuando ‘wazari’ antes do ‘ippon’ final. Na ronda seguinte, eliminou Muhannad Ahmed, após acumulação de ‘shidos’ do judoca da Arábia Saudita. Nos quartos-de-final encontrou o australiano Kohsei Toyoshima (Campeão do Campeonato Panamericano-Oceania de Cadetes 2022). Após um combate equilibrado, o português acabou por alcançar a vitória aos dois minutos de ‘golden score’. Garantiu a presença na final ao derrotar o britânico Irakli Goginashvili, por ‘wazari’. No seu último e derradeiro combate enfrentou Federico Ninfo (que conta com 1 Medalha de Ouro e 2 de Bronze no Circuito Europeu de Cadetes). Apesar do esforço do jovem português, o italiano pontuou um ‘wazari’ e dominou o combate até ao final do tempo regulamentar. Com este resultado, Gonçalo Lourenço conquista a Medalha de Prata.

Na categoria -40 kg, Beatriz Carinhas teve a concorrência de mais duas atletas. A portuguesa superou a italiana Elena Santoro por ‘ippon’ no seu combate inaugural. No segundo encontro, perante a belga Celia Van Beneden, cedeu por ‘ippon’. Com este resultado, Beatriz Carinhas (-40 kg) conquista a Medalha de Prata.

Henrique Ferreira (-66 kg) eliminou os seus dois primeiros adversários por ‘ippon’, nomeadamente o neerlandês Louis Loozen e o norte-americano Kevin Carmo. Nos quartos-de-final, não conseguiu ultrapassar o italiano Federico Bosis, sofrendo o ‘ippon’ à entrada do último minuto de combate. O português regressou às vitórias na repescagem, onde somou o terceiro triunfo na competição, ao bater o espanhol Hugo Quereda Yurice com um ‘ippon’ em apenas 41 segundos. O seu segundo confronto da repescagem, contra Tymofii Sabadash, revelou-se mais equilibrado e foi apenas decidido a 13 segundos do fim do tempo regulamentar, com o ucraniano a somar o terceiro ‘shido’. Na luta pelo pódio encontrou Irakli Goginashvili (que tinha sido derrotado na semifinal com o português Gonçalo Lourenço). O britânico voltou a dar-se mal com os judocas portugueses, sendo penalizado com o terceiro ‘shido’ a 30 segundos do fim do tempo regulamentar, numa altura em o português se encontrava em vantagem por ‘wazari’. Com este resultado, Henrique Ferreira conquista a Medalha de Bronze. 

Matilde Gonçalves (-44 kg) estrou-se nos quartos-de-final, onde superou Angelina McCristall, após acumulação de ‘shidos’ da canadiana. Na semifinal encontrou a italiana Rebecca Valeriani (que já contava com duas medalhas de prata no Circuito Europeu em 2022). Apesar do esforço, a portuguesa acabou por ceder por acumulação de ‘shidos’ (Rebecca Valeriani acabaria por vencer a Medalha de Ouro). Na luta pelo pódio, contra a italiana Giusy Amalfitano, Matilde Gonçalves precisou apenas de 31 segundos para alcançar o ‘ippon’ e conquistar a Medalha de Bronze.

Na categoria -60 kg, Rui Anjos superou os seus dois primeiros adversários por ippon, nomeadamente o árabe Absulrahman Alsaiari e o canadiano Daniil Kremerman, ambos em período de ‘ponto de ouro’. Nos quartos-de-final encontrou o norte-americano Christopher Velazco, Tricampeão Panamericano de Cadetes. Após um combate equilibrado, o português cedeu por acumulação de ‘shidos’. Regressou aos triunfos na repescagem, contra o compatriota Tomás Matos da Fonseca, por acumulação de ‘shidos’ em período de ‘ponto de ouro’. Somou a sua quarta vitória do dia, derrotando o britânico Charlie Ayre por ‘ippon’. Na luta pelo Bronze, contra Anderson Coton Vazquez, o jovem luso não conseguiu impedir o ‘ippon’ do espanhol, após mais de cinco minutos de ‘golden score’. Com este resultado, Rui Anjos termina num honroso 5º lugar.

David Silva (-60 kg) e Rodrigo Janeiro (-66 kg) também se destacaram ao longo do dia, alcançando 3 vitórias, que lhes garantiu o 7º lugar na competição.

No final do primeiro dia do evento, Portugal ocupa o 6º lugar do ranking entre os 23 países presentes na prova. A Itália lidera a tabela com 4 Medalhas de Ouro, 3 de Prata e 3 de Bronze conquistadas. Bélgica (1 Ouro e 2 Bronze) e Quirguistão (1 Ouro e 1 Bronze) completam o pódio.

Recordamos que Portugal está presente com 61 Judocas (15 Femininas e 46 Masculinos), que são acompanhados pelos Treinadores Marco Morais, António Saraiva e Joana Ramos.

Os combates recomeçam este domingo às 10h30, com as categorias -57 kg, –63 kg, –70 kg e +70 kg femininas e –73 kg, –81 kg, -90 kg e +90 kg masculinas em ação. Portugal é representado por 23 Atletas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link